quarta-feira, 5 de outubro de 2011

"Não há fome que não dê em fartura"

"Não há fome que não dê em fartura", diz a sabedoria popular. E a Palavra de Deus senta-nos, de facto, muito mais, à mesa da abundância, do que à abundância da mesa...

De qualquer modo, é da mesa da abundância, que partilhamos em Eucaristia, que há-de brotar a verdadeira abundância da mesa para todos os povos. Aqueles que comem do mesmo pão, na mesa santa da Eucaristia, hão-de partir dela, pelas encruzilhadas dos caminhos, para chamar e sentar os pobres à mesa da criação e repartir com eles “o pão de cada dia”.

Sem comentários: