sexta-feira, 25 de julho de 2008

Parabéns ao senhor D. João Miranda

O senhor D. João Miranda, Bispo Auxiliar do Porto, celebra 25 anos de Ordenação Episcopal: 1983 - 2008. A celebração deste aniversário é na próxima Quinta-feira, 31 de Julho de 2008, às 19h30, na Sé Catedral do Porto.

O Santo Padre dirigiu uma carta ao senhor Bispo, como a seguir se apresenta:

Bênção Apostólica

Ao venerável irmão João Miranda Teixeira, Bispo titular de Castelljabar e Auxiliar da ilustre e amada diocese do Porto: Ao celebrar os vinte e cinco anos de ordenação episcopal, de todo o coração nos congratulamos com os frutuosos trabalhos pastorais e a sua fidelidade ao Magistério da Igreja e à Santa Sé. Desejando-lhe todas as felicidades, de boa vontade lhe concedemos a Bênção Apostólica, mediadora dos bens celestes e sinal da nossa comunhão com ele em Cristo Senhor.

Dado no Vaticano, no dia 18 do mês de Junho de 2008.
Bento XVI, Papa

Avisos 47 (27 de Julho de 2008)

AVISOS COMUNS A TODAS AS PARÓQUIAS

A nossa Diocese do Porto vai realizar uma grande MISSÃO DIOCESANA EM 2010. Como preparação desta missão, a nossa comunidade propõe a todos, a partir dos 16 anos, a integração no grupo da CATEQUESE DE ADULTOS. As inscrições são até ao final de Agosto, junto do pároco.

O Pároco continua ausente das paróquias até à próxima Sexta-feira.

CANELAS

No próximo Domingo, 3 de Agosto, celebramos a Festa de Nossa Senhora dos Anjos na capela que lhe é dedicada. A Eucaristia será às 11.15h e a procissão às 18h. Não há Eucaristia na Igreja Paroquial.

ESPIUNCA

No próximo Domingo, 3 de Agosto, por causa da celebração da Festa de Nossa Senhora dos Anjos em Canelas, a Eucaristia será às 10h (e não às 11.15h, como habitualmente).

JANARDE

Por causa das festas a celebrar na Ponte de Telhe à Nossa Senhora de Fátima e em Rio de Frades à Santa Bárbara, a próxima Eucaristia a celebrar aqui, na Igreja Paroquial, será no dia 24 de Agosto, às 10h. A próxima Eucaristia em Silveiras será no dia 7 de Agosto, às 14.30h.

COVÊLO DE PAIVÓ

No próximo Domingo, 3 de Agosto, celebramos a festa à Santa Luzia na capela de Regoufe. A Eucaristia será às 11.15h e a procissão a seguir.

No fim-de-semana de 9 e 10 de Agosto, por causa da festa à Nossa Senhora de Fátima em Ponte de Telhe, a Eucaristia será no Sábado, dia 9, às 19h (e não no Domingo, às 11.15h, como habitualmente).

O pároco manda dizer que ainda ninguém lhe falou na celebração da festa à Nossa Senhora da Saúde, em Drave, que é costume celebrar-se no dia 15 de Agosto. Era importante que os responsáveis lhe dirigissem a palavra nesse sentido.

sexta-feira, 18 de julho de 2008

Avisos 46 (20 de Julho de 2008)

AVISOS COMUNS A TODAS AS PARÓQUIAS

Vai realizar-se a colheita de sangue anual no próximo dia 27 de Julho, das 9h às 13h, na sede da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Arouca.

A nossa Diocese do Porto vai realizar uma grande MISSÃO DIOCESANA EM 2010. Como preparação desta missão, a nossa comunidade propõe a todos, a partir dos 16 anos, a integração no grupo da CATEQUESE DE ADULTOS. As inscrições são até ao final de Agosto, junto do pároco.

O Pároco estará ausente das paróquias de 21 de Julho a 1 de Agosto, para um pequeno período de descanso. Assim, o Sr. Pe. João Pedro, pároco de Arouca, Santa Eulália e Rossas, fica com a jurisdição das paróquias, sendo que a celebração da Eucaristia no próximo Sábado e Domingo será da responsabilidade do Sr. Vigário da Vara, Pe. Peres, e do Sr. Pe. Carlos Ribeiro. Qualquer serviço ocasional deve ser tratado junto do Sr. Pe. João Pedro.

MOLDES

Durante as próximas duas semanas, não há eucaristia durante a semana. A próxima Eucaristia à semana será na Capela de Fuste no dia 5 de Agosto.

CANELAS

Durante as próximas duas semanas, não há eucaristia durante a semana. A próxima Eucaristia à semana será no dia 6 de Agosto.

No dia 3 de Agosto, Domingo, celebramos a Festa de Nossa Senhora dos Anjos na capela que lhe é dedicada. A Eucaristia será às 11.15h e a procissão às 18h.

ESPIUNCA

Logo, continuamos a celebração da Festa do Senhor; assim, às 17.30h, rezaremos a oração de vésperas; no final, pelas 18h, sairemos em procissão eucarística.

MUDAM OS TEMPOS E OS VALORES!...

Uma diferença de 30 anos (1978 - 2008)
  • SITUAÇÃO: O Pedro está a pensar ir até ao monte depois das aulas; assim que entra no colégio mostra uma navalha ao João, com a qual espera poder fazer uma fisga.
1978: O director da escola vê, pergunta-lhe onde se vendem, mostra-lhe a sua, que é mais antiga, mas que também é boa.
2008: A escola é encerrada, chamam a Polícia Judiciária e levam o Pedro para um reformatório. A SIC e a TVI apresentam os telejornais desde a porta da escola.
  • SITUAÇÃO: O Carlos e o Quim trocam uns socos no fim das aulas.
1978: Os companheiros animam a luta, o Carlos ganha. Dão as mãos e acabam por ir juntos jogar matrecos.
2008: A escola é encerrada. A SIC proclama o mês anti-violência escolar, o Jornal de Notícias faz uma capa inteira dedicada ao tema, e a TVI insiste em colocar a Manuela Moura Guedes à porta da escola a apresentar o telejornal, mesmo debaixo de chuva.
  • SITUAÇÃO: O Jaime não pára quieto nas aulas, interrompe e incomoda os colegas.
1978: Mandam o Jaime ir falar com o Director, e este dá-lhe uma bronca de todo o tamanho. O Jaime volta à aula, senta-se em silêncio e não interrompe mais.
2008: Administram ao Jaime umas valentes doses de Ritalina. O Jaime parece um zombie. A escola recebe um apoio financeiro por terem um aluno incapacitado.
  • SITUAÇÃO: O Luís parte o vidro dum carro do bairro dele. O pai pega num cinto e espeta-lhe umas chicotadas.
1978: O Luís tem mais cuidado da próxima vez. Cresce normalmente, vai à universidade e converte-se num homem de negócios bem sucedido.
2008: Prendem o pai do Luís por maus-tratos a menores. Sem a figura paterna, o Luís junta-se a um gang de rua. Os psicólogos convencem a sua irmã que o pai abusava dela e metem-no na cadeia para sempre. A mãe do Luís começa a namorar com o psicólogo. O programa da Fátima Lopes mantém durante meses o caso em estudo, bem como o 'Você na TV' do Manuel Luís Goucha.
  • SITUAÇÃO: O Zézinho cai enquanto praticava atletismo, arranha um joelho. A sua professora, Maria, encontra-o sentado na berma da pista a chorar. Maria abraça-o para o consolar.
1978: Passado pouco tempo, o Zézinho sente-se melhor e continua a correr.
2008: A Maria é acusada de perversão de menores e vai para o desemprego. Confronta-se com 3 anos de prisão. O Zézinho passa 5 anos de terapia em terapia. Os seus pais processam a escola por negligência e a Maria por trauma emocional, ganhando ambos os processos. Maria, no desemprego e cheia de dívidas suicida-se atirando-se de um prédio. Ao aterrar, cai em cima de um carro, mas antes ainda parte com o corpo uma varanda. O dono do carro e do apartamento processam os familiares da Maria por destruição de propriedade. Ganham. A SIC e a TVI produzem um filme baseado neste caso.
  • SITUAÇÃO: Um menino branco e um menino negro andam à batatada por um ter chamado 'chocolate' ao outro.

1978: Depois de uns socos esquivos, levantam-se e cada um para sua casa. Amanhã são colegas.
2008: A TVI envia os seus melhores correspondentes. A SIC prepara uma grande reportagem dessas com investigadores que passaram dias no colégio a averiguar factos. Emitem-se programas documentários sobre jovens problemáticos e ódio racial. A juventude Skinhead finge revoltar-se a respeito disto. O governo oferece um apartamento à família do miúdo negro.

  • SITUAÇÃO: Tens que fazer uma viagem de avião.

1978: Viajas num avião de TAP, dão-te de comer, convidam-te a beber seja o que for, tudo servido por hospedeiras de bordo espectaculares, num banco que cabem dois como tu.

2008: Entras no avião a apertar o cinto nas calças, que te obrigaram a tirar no controle. Enfiam-te num banco onde tens de respirar fundo para entrar e espetas o cotovelo na boca do passageiro ao lado e se tiveres sede o hospedeiro amaricado apresenta-te um menu de bebidas com os preços inflacionados 150%, só porque sim. E não protestes muito.

  • SITUAÇÃO: Fazias uma asneira na sala de aula.
1978: O professor espetava duas valentes lostras bem merecidas. Ao chegar a casa o teu pai dava-te mais duas porque 'alguma deves ter feito!'
2008: Fazes uma asneira. O professor pede-te desculpa. O teu pai pede-te desculpa e compra-te uma Playstation 3.
  • SITUAÇÃO: Chega o dia de mudança de horário de Verão para Inverno.
1978: Não se passa nada.
2008: As pessoas sofrem de distúrbios de sono, depressão e diarreia.
  • SITUAÇÃO: O fim das férias.
1978: Depois de passar 15 dias com a família atrelada numa caravana puxada por um Fiat 600 pela costa de Portugal, terminam as férias. No dia seguinte vai-se trabalhar.
2008: Depois de voltar de Cancún de uma viagem com tudo pago, terminam as férias. As pessoas sofrem de distúrbios de sono, depressão, seborreia e distúrbios intestinais.

Como mudam os tempos e os valores!...

quarta-feira, 16 de julho de 2008

XXIII Jornada Mundial da Juventude

A paisagem religiosa da Austrália sofre por estes dias uma profunda mudança com a chegada de milhares e milhares de jovens à cidade de Sidney, para a XXIII Jornada Mundial da Juventude (JMJ). Os peregrinos vão dar mostras de uma nova fé, de novas respostas ao desafio de ser católico, ao mesmo tempo que procuram descobrir um novo rosto da Igreja, mais “simpática” e em festa.

Longo foi o percurso de preparação desde que há 3 anos, Bento XVI anunciou em Colónia que a iniciativa deste ano se iria desenrolar na Ilha-Continente. “Neste momento, em que a presença viva de Jesus Cristo ressuscitado no meio de nós alimenta a fé e a esperança, sinto-me feliz por vos anunciar que a próxima Jornada Mundial da Juventude terá lugar em Sidney, na Austrália, no ano de 2008”, referiu, após a Missa conclusiva do evento, no dia 21 de Agosto de 2005.

Foi o falecido João Paulo II quem “inventou” este momento de festa e de encontro no ano de 1984, para reafirmar o interesse da Igreja pelos jovens. A Jornada Mundial da Juventude é uma celebração da fé, um grande acontecimento, em que a festa e fé se unem inseparavelmente e para o qual a Igreja convida os jovens de todos o mundo, que se junto com um objectivo comum: conhecerem-se, partilhar experiências e celebrar uma grande festa com a presença do Papa.

A cidade de Sidney está a postos para uma invasão de centenas de milhares de jovens de todo o mundo (entre os quais mais de uma centena de portugueses), a que se juntam 8 mil voluntários, 2 mil sacerdotes e 700 Cardeais e Bispos, para além de jornalistas de todo o mundo.

A próxima Jornada Mundial da Juventude terá como tema: "Ides receber uma força, a do Espírito Santo, que descerá sobre vós e sereis minhas testemunhas" (Act 1, 8). Por desejo do Papa, o fio condutor da preparação espiritual para o encontro tem sido o Espírito Santo e a missão.

"É fundamental que cada um de vós, jovens, na comunidade e com os educadores, possa reflectir sobre este Protagonista da história da salvação, que é o Espírito Santo ou Espírito de Jesus, para alcançar estas altas finalidades: reconhecer a verdadeira identidade do Espírito, em primeiro lugar ouvindo a Palavra de Deus na Revelação da Bíblia; tomar uma consciência límpida da sua presença contínua e activa na vida da Igreja", escreveu Bento XVI na sua mensagem para a JMJ 2008.

In Ecclesia, 14/07/2008

Juventude de todo o mundo em Sidney

Director Nacional (da Pastoral da Juventude) explica caminho para a Austrália, num grande encontro internacional com o Papa...

A realização das Jornadas Mundiais da Juventude, é sempre motivo de alegria e entusiasmo por parte de todos, sobretudo os jovens, como público privilegiado e causa principal destas Jornadas. É neste contexto, de quem vive e partilha a fé em Jesus Cristo, com tantos milhares de jovens de todo o mundo, que existe a certeza de que Ele caminha connosco e quer precisar também dos jovens para estender o seu Reino no mundo. Os jovens são, por natureza, admiradores de Jesus e deixam-se contagiar pelo seu amor e crêem no Seu sentido de justiça e de verdade. Por isso, olham para Jesus como Alguém que podem seguir e servir nas suas vidas: na família, na escola, no grupo de amigos, no lazer, no trabalho... no fundo, serem testemunhas de Cristo em todos os lugares.

É este, pois, o convite que o Papa faz aos jovens, na sua mensagem para estas Jornadas Mundiais. Citando as palavras de Jesus, ao despedir-se dos discípulos, o Papa intitulou a sua mensagem com a frase seguinte: “Recebereis a força do Espírito Santo que descerá sobre vós, e sereis minhas testemunhas” (Act 1,8); toda esta mensagem do Papa é um apelo sério e exigente para que os jovens assumam, de vez, nas suas vidas a importante missão de evangelizar. Este deve ser um compromisso constante e firme, sem medos ou preconceitos, livre e alegre, pronto para mostrar ao mundo que Jesus, nosso único Salvador, está vivo e presente nas nossas alegrias e tristezas, êxitos e fracassos, dúvidas e certezas e que, por conseguinte, é bem mais fácil viver contando com Ele, que nunca nos falta.

A participação dos jovens portugueses está directamente relacionada com estas expectativas e com esta verdade, mas também, desde já, com a certeza de que estamos unidos e vivemos animados pela acção do Espírito, que Cristo nos prometeu, para sermos suas testemunhas. Sem esta dimensão e dinâmica de abertura aos dons do Espírito, não tem grande significado aceitarmos as palavras de Jesus. Por consequência, não é normal que se viva este grande encontro dos jovens com o Papa, se falta o essencial.

A importância que assumem estas Jornadas Mundiais, na Austrália, está intrinsecamente relacionada com o compromisso de missão que o jovens devem ter, mediante as palavras de Jesus, que o Papa usa: ...sereis minhas testemunhas; e os jovens são chamados a serem testemunhas de Jesus, não só na Austrália, mas em todos o lugares em que se encontrem e em todos os tempos. Assim, também os que não podem participar directamente nestas Jornadas, podem e devem associar-se aos que vivem nesse país esse encontro especial.

É bom que os jovens estejam em sintonia uns com os outros e com o Papa, que pede aos jovens para serem apóstolos, e anunciem, com alegria e generosidade, Jesus, aos outros jovens, sobretudo àqueles que, à partida, recusam ouvir falar “nestas coisas” ou que vivem uma vida sem sentido, perdida nos vícios, sem rumo e sem horizontes. Para os jovens de Portugal, a participação num encontro desta natureza, é motivo de estímulo e de esperança para os que vão, mas também para os que ficam, porque no regresso saberão transmitir aos outros o que viram e ouviram, para que Jesus seja mais amado e seguido por todos.

Pe. Vasco Pedrinho, Director DNPJ

In Ecclesia, 11/07/2008

sexta-feira, 11 de julho de 2008

Avisos 45 (13 de Julho de 2008)

AVISOS COMUNS A TODAS AS PARÓQUIAS

A nossa Diocese do Porto vai realizar uma grande MISSÃO DIOCESANA EM 2010. Como preparação desta missão, a nossa comunidade propõe a todos, a partir dos 16 anos, a integração no grupo da CATEQUESE DE ADULTOS. As inscrições são até ao final de Agosto, junto do pároco.

A nossa Diocese do Porto está em festa! Devemos agradecer a Deus o dom de um novo padre e três diáconos que o senhor Bispo ordena hoje na Sé para o serviço da nossa Igreja do Porto. Rezemos pelo senhor Bispo e pelos novos ordenados!

MOLDES

Eucaristia: Sexta-feira, 18h – Igreja Paroquial.

Logo, às 11.15h, celebramos a Festa à Senhora da Guia na Capela de Bustelo. O Terço será às 16.30h e a procissão às 17h.

ESPIUNCA

No próximo Domingo, dia 20 de Julho, celebramos a Festa do Senhor na Igreja Paroquial. A procissão inicial, a partir das alminhas, será às 11h, a Eucaristia às 11.15h, a oração de Vésperas às 17.30h e a procissão às 18h. Nesse dia, celebram a Festa da Eucaristia e da Palavra um grupo de crianças da catequese.

A preparação destas festas da catequese é no próximo Sábado, às 10h, no espaço da Igreja Paroquial.

Reuniões: Comissão Fabriqueira – Terça-feira, às 21h; Catequistas – Sábado à noite.

Logo, às 19h, sairemos em procissão pelas ruas envolventes a esta Capela de Vila Viçosa, neste dia que a nossa comunidade dedica a São Pelágio!

Por último, queremos deixar uma palavra de reconhecimento e louvor à Comissão de Festas de São Pelágio deste ano, pela bonita festa realizada; deixar uma palavra de incentivo e generosidade para a Comissão de Festas do próximo ano; reconhecer o trabalho empenhado da rádio paivense, que transmitiu a nossa festa para os seus radiouvintes, a quem cumprimentamos cordialmente; apresentar a Deus todos os que contribuíram para que esta festa tivesse decorrido segundo a vontade de Nosso Senhor; e, em obediência à nossa fé, queremos pedir a cada um dos paroquianos desta belíssima freguesia e paróquia de São Martinho de Espiunca que se preocupem e tenham como grande objectivo da sua vida a plena comunhão com Deus, com a Igreja e com os irmãos! Seja a nossa grande paróquia de São Martinho de Espiunca lugar de comunhão e amor! Exactamente como Deus quer! Que o São Pelágio os proteja a todos! Bom Domingo e boa festa!

CANELAS

Eucaristia na Quarta-feira, às 18h.

sexta-feira, 4 de julho de 2008

Avisos 44 (6 de Julho de 2008)

AVISOS COMUNS A TODAS AS PARÓQUIAS

A secretaria Inter-Paroquial estará encerrada de 7 a 21 de Julho para o período de férias do funcionário.

O nosso Bispo quer que a nossa Diocese do Porto realize uma grande MISSÃO DIOCESANA EM 2010, como conclusão da primeira década deste novo milénio. Diz o senhor Bispo que é preciso ir avistando a Nova Evangelização. Assim, respondendo a este apelo do senhor Bispo, a nossa paróquia propõe a todos os paroquianos, com idades a partir dos 16 anos, a realização da CATEQUESE DE ADULTOS. Esta catequese consistirá num encontro mensal, a meio da semana, e começará em Setembro deste ano de 2008. Desta catequese podem fazer parte aqueles paroquianos que, adultos na fé, não tenham celebrado ainda o sacramento da confirmação. Quem quiser integrar este grupo de catequese de adultos, deverá inscrever-se, até ao final de Agosto, junto do pároco.

A nossa Diocese do Porto está em festa! No próximo Domingo, 13 de Julho, às 11h, na Sé, o senhor Bispo presidirá à ordenação de um presbítero e três diáconos. Estamos em festa e devemos agradecer a Deus tamanho dom! Rezemos, pois, por estes homens dispostos a seguir Jesus com a dádiva da própria vida!


MOLDES

Eucaristia: Terça-feira, 19h – Capela de Fuste; Sexta-feira, 18h – Igreja Paroquial.

Reunião: Comissão Fabriqueira – Quinta-feira, 21.30h, residência paroquial.

No próximo Domingo, 13 de Julho, celebramos a Festa à Senhora da Guia na Capela de Bustelo. A Eucaristia será às 11.15h, o Terço às 16.30h e a procissão às 17h.

JANARDE

Já de seguida, saímos em procissão, com os andores de Nossa Senhora de Fátima, São Sebastião e Santo António, neste dia de festa que a comunidade lhes dedica.

Dado que hoje celebrámos a Eucaristia, na próxima Quinta-feira não há Eucaristia em Silveiras. A Eucaristia na Capela de Silveiras voltará a celebrar-se apenas no dia 7 de Agosto, às 14.30h. Na Igreja Paroquial, voltará a haver Eucaristia no dia 27 de Julho, se houver pessoas para a sua celebração. E, se porventura, os meus queridos paroquianos não quiserem que eu venha celebrar a Eucaristia, dado que já é a segunda vez que venho ao Domingo e não encontro pessoas para a celebração, basta que me digam! Não posso andar ao “Deus-dará”, a debitar quilómetros e mais quilómetros para quem não quer missa. Há muita boa gente que a quer, e muito, e não a tem!

Esta semana, o pároco VISITArá os doentes e idosos da comunidade. A visita será na próxima Quinta-feira, a partir das 9.30h.

CANELAS

Eucaristia na Quarta-feira, às 18h.

ESPIUNCA

No próximo Domingo, 13 de Julho, celebramos a Festa ao São Pelágio na Capela de Vila Viçosa. A primeira procissão será às 10h, a Eucaristia às 11h e a segunda procissão às 19h.

No dia 20 de Julho, celebramos a Festa do Senhor na Igreja Paroquial. A Eucaristia será às 11.15h, a oração de Vésperas às 17.30h e a procissão às 18h.

Esta semana, o pároco VISITArá os doentes e idosos da comunidade. A visita será na próxima Terça-feira, a partir das 14h.

COVÊLO DE PAIVÓ

Esta semana, o pároco VISITAtará os doentes e idosos da comunidade. A visita será na próxima Quinta-feira, a partir das 16.30h.

quinta-feira, 3 de julho de 2008

Diocese do Porto em festa - ORDENAÇÕES

No Domingo, 13 de Julho, a nossa Diocese do Porto rejubila com o dom de um novo presbítero e três diáconos. A celebração de ordenação será às 11h, na Sé do Porto. O senhor Bispo D. Manuel Clemente convida todos os diocesanos a participarem desta festa. Os que não puderem estar presentes, associem-se em oração por este novo presbítero e diáconos.

O novo presbítero chama-se Renato Agostinho Freitas Poças, nascido a 06/12/1982, natural de Telões, Amarante.
Os novos diáconos são: Filipe Manuel da Costa e Silva, nascido a 22/11/1983, natural de São Martinho da Gândara, Oliveira de Azeméis;Luís Filipe da Rocha Coelho Ferreira, nascido a 18/10/1975, natural de Fonte Arcada, Penafiel;
Samuel André Carvalhas Félix, nascido a 24/02/1983, natural de Espinho.

Escuteiros lavam telhas para a futura sede




Festa do Senhor da Agonia - Sequeiros, Rossas

Vai celebrar-se neste próximo fim-de-semana a festa do Senhor da Agonia na Capela de Sequeiros, freguesia de Rossas. Aproveitamos este sítio para convidar todos os nossos amigos a participarem desta festa, que tem como único programa a celebração da fé: procissão de velas no Sábado, dia 5, às 21.30h; no Domingo, dia 6, Eucaristia às 10h e procissão às 18h.

25º aniversário da institutição dos MEC em Moldes

Celebrou-se hoje, 3 de Julho, na paróquia de Moldes, a passagem do 25º aniversário da intituição dos primeiros Ministros Extraordinários da Comunhão para o serviço da comunidade de Moldes. Às 19h celebrou-se a Eucaristia com a presença de muitos dos MEC da comunidade e, particularmente, com a presença dos dois primeiros a serem instituídos: o Sr. Ângelo e a S.ra Prof. D. Dilma (em destaque na foto lateral).

Esta intituição foi no dia 3 de Julho de 1983 e presidiu à celebração o senhor Bispo de então, D. Júlio Tavares Rebimbas.

Um ano antes, em 1982, iniciou-se um período experimental deste serviço à comunidade: o Sr. Ângelo e o Sr. António (antigo sacristão) foram as pessoas escolhidas pelo pároco de então para este período experimental.

Parabéns a toda a comunidade!

terça-feira, 1 de julho de 2008

Ano Paulino na Diocese do Porto (nota pastoral)

Na homilia da Missa Crismal, em 20 de Março de 2008, depois de ouvir, no Evangelho proclamado, Jesus a anunciar que tinham sido cumpridas ali na sinagoga de Nazaré, naquele “hoje” de Deus, as palavras do profeta Isaías que acabara de ler, propus à diocese, na tentativa de actualizar esse “hoje” e advertindo que “como a iniciativa é do Espírito, assim também o programa está feito no que tem de permanente”, o que intitulei: “Um “programa” libertador: corresponsabilidade para a nova evangelização”. E convidando todos, clérigos, consagrados e leigos a empenhar-se “em corresponsabilidade activa e criativa”, apontei como meta “uma grande missão diocesana”, a culminar a primeira década deste século e milénio, no ano de 2010. E permiti-me insistir: “É URGENTE EVANGELIZAR! URGENTE EVANGELIZAR O MEIO ENVOLVENTE, QUE TANTO GANHARÁ NO REENCONTRO COM O EVANGELHO DE CRISTO! URGENTE EVANGELIZAR A CULTURA E EVANGELIZAR NA CULTURA, PARA QUE OS DIVERSOS SECTORES E AMBIENTES SE REFRESQUEM NA ÁGUA VIVA DO ESPÍRITO! URGENTE INCENTIVAR O TESTEMUNHO LAICAL, DA FAMÍLIA À ESCOLA, DA ESCOLA À PROFISSÃO, DA PRISÃO AO HOSPITAL, AO TEMPO LIVRE ATÉ, PARA QUE REALMENTE LIBERTE.” E para a efectivação deste projecto, invoquei a protecção de Nossa Senhora da Assunção, padroeira da Diocese e S. Paulo, “que a Igreja retoma como mestre e estímulo de toda a evangelização” no ano que lhe vai ser dedicado neste segundo milénio do seu nascimento.

O ANO PAULINO, proclamado por Bento XVI com início em 28 de Junho de 2008 e termo em 29 de Junho de 2009, é-nos oferecido como uma feliz e eficaz oportunidade para que, à luz do seu exemplo e da sua entrega à causa do Evangelho, possamos APROFUNDAR A CONSCIÊNCIA DA NOSSA RESPONSABILIDADE E COMPROMISSOS APOSTÓLICOS E “PROGREDIR NA BUSCA HUMILDE E SINCERA DA PLENA UNIDADE DE TODOS OS MEMBROS DO CORPO MÍSTICO DE CRISTO”, conforme as próprias palavras do Santo Padre”. É impressionante o seu itinerário desde perseguidor da Igreja até apóstolo das Nações. Tudo começou com o seu encontro, a caminho de Damasco, quando foi posto em causa o sistema de valores de que se orgulhava e que abandonou como “perda, diante do bem superior que é o conhecimento do meu Senhor, Jesus Cristo” (Fil. 3, 8). A partir daí, a sua vida passa por uma total renovação e adquire um ritmo alucinante marcado pela consciência de uma obrigação que lhe foi imposta e que o leva a exclamar: “ai de mim, se eu não evangelizar!” e que ele executa, “pregando e Evangelho” de modo desinteressado e gratuito, “sem (se) fazer valer dos direitos que o seu anúncio (lhe) confere” (1 Cor. 9, 16- 18). Na Segunda Ep. a Timóteo, no chamado “testamento do Apóstolo”, ao jeito dos discursos de adeus, são-lhe atribuídas expressões em que a morte é evocada como o dom de um sacrifício, chegada à meta definitiva, ocasião para testemunhar que, ao longo de uma vida tão rica e tão cheia, combateu o bom combate, guardou fidelidade a Deus e pode legitimamente esperar a coroa de vencedor (2 Tim. 4, 6-8).

O Ano Paulino vai permitir-nos VENERAR de um modo especial a memória do Apóstolo das Nações, CONHECER melhor esta figura extraordinária da história do Cristianismo, PENETRAR na riqueza das suas Cartas que são o património mais antigo do Novo Testamento, ABRIR-NOS à contemplação do mistério de Cristo e da Sua Igreja e FORTALECER a nossa consciência de que somos filhos de Deus, membros da Igreja, promotores da nova evangelização para o nosso tempo.

Como em todo o Ano Jubilar, haverá neste Ano Paulino SINAIS E SÍMBOLOS que atestam a fé e favorecem a devoção dos fiéis. O Papa, no dia 28 de Junho de 2008, abrirá uma “PORTA PAULINA” (simétrica à Porta Santa) na Basílica papal de S. Paulo na Via Ostiense, dando assim início às PEREGRINAÇÕES a locais escolhidos (12 em Roma) e será acesa a CHAMA PAULINA que arderá ao longo de todo o ano. Outro elemento constitutivo do evento jubilar é o DOM DAS INDULGÊNCIAS que o Santo Padre oferece a toda a Igreja mediante o cumprimento de determinadas condições. Haverá também celebrações jubilares, encontros de oração e de formação, retiros, jornadas pastorais, exposições, etc. POSSAMOS, TODOS NÓS, CRESCER NA NOSSA CONFORMAÇÃO COM CRISTO E NA NOSSA RESPONSABILIDADE E ARDOR APOSTÓLICO, À IMAGEM E SOB A PROTECÇÃO DE S. PAULO.

Em ordem a isso, apresento à diocese algumas propostas de celebrações e eventos jubilares, a programar e organizar nas quatro regiões pastorais, vigararias, paróquias e grupos apostólicos, a que se junta uma selecção de temas de reflexão e fichas de leitura para a lectio divina. Estes são esquemas a utilizar com liberdade e criatividade, de modo a adaptar-se aos objectivos em vista.Também recomendo de modo especial um itinerário catequético, elaborado pela Conferência Episcopal Portuguesa, Um ano a caminhar com S. Paulo, que propõe um tema para cada semana do ano (52) e que de muita utilidade será para os fiéis individualmente, famílias, grupos paroquiais, pastoral juvenil, Movimentos.


Porto, 27 de Junho de 2008

+ Manuel Clemente, Bispo do Porto
+ António Taipa, Presidente da Comissão Diocesana do Ano Paulino