sexta-feira, 31 de outubro de 2008


Decálogo da Santidade

1. Sede santos por opção e não por distracção...;

2. Sede santos do quotidiano, nas tarefas e ocupações de cada dia e não só em momentos heróicos ou eufóricos;

3. Sede santos dentro do mundo do nosso tempo: amai-o com as suas belezas e potencialidades e com as suas crises e misérias;

4. Sede santos da gratuidade, da doação e do serviço que não têm preço nas cotações da Bolsa;

5. Sede santos que se deixam habitar pelo mistério e pela santidade de Deus e não turistas da santidade que só a vêem e admiram, de longe, nos outros;

6. Sede santos em comunidade e em família: uns com os outros, uns para os outros e uns pelos outros, ajudando a dar passos em frente;

7. Sede santos penitentes, humildes, conscientes de que "Deus é sempre maior";

8. Sede santos protagonistas de uma humanidade exemplarmente assumida e vivida: santos plenamente homens, cuja santidade enriquece e embeleza a sua humanidade;

9. Sede santos do amor puro, verdadeiro, casto, fiel, alegre e sorridente;

10. Sede santos da alegria e da esperança que ajudam a descobrir as belezas do caminho e possibilidades de vida nova!

Dom António Marto

Avios 61 (dias 1 e 2 de Novembro)


AVISOS COMUNS A TODAS AS PARÓQUIAS

Entre os meses de Outubro e Dezembro de cada ano, tem lugar a recolha da oblata ou direitos paroquiais. Os membros da Comissão Fabriqueira passarão em casa dos paroquianos a lembrar este contributo de cada família para a digna sustentação do pároco; ninguém esqueça que o pároco está ao serviço da comunidade, mas não é criado de ninguém nem tarefeiro de sacramentos ou serviços paroquiais. Por isso, o contributo de cada família deve ser feito em liberdade, respeito e dignidade! Em algumas comunidades, esta partilha é realizada apenas entre Janeiro e Março.

A Escola Secundária de Arouca está a colaborar com a AMI (Assistência Médica Internacional) na recolha de óleos alimentares usados; para isso, a escola dispõe de bidões para a deposição dos óleos. Ao aderir ao projecto de Recolha de Óleos Alimentares Usados não só evita a poluição da água como está a transformar o óleo em Biodiesel, uma fonte renovável de energia que diminui as emissões de CO2. Além disso, cada litro de óleo será transformado num donativo para ajudar a AMI na luta contra a exclusão social em Portugal.

(Apenas Canelas e Espiunca) O Sr. Dr. Jorge Oliveira, Adjunto do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Arouca, e o Sr. Mário Augusto, Presidente da Direcção do Centro Social de Canelas pediram que vos informasse que a construção do anunciado Centro Social está para breve. Eles pedem para fazer um apelo a toda a comunidade de Canelas e Espiunca no sentido de todos se interessarem por esta obra, que tem como fim servir as pessoas das freguesias de Canelas e Espiunca. É uma obra muito importante para todos! Dentro em breve, darão mais notícias.

Lembramos os elementos dos grupos corais que no próximo Domingo, dia 9, às 15h, na Igreja do Mosteiro de Arouca, realiza-se o ensaio das Vésperas do dia de Cristo Rei. Estão convidados a levar um lanche para partilhar nos claustros do mosteiro no final do ensaio.


MOLDES

Eucaristia: Terça, 17h – Capela de Bustelo; Quarta, 17h – Igreja Paroquial.

Os pais dos alunos da Escola de Música têm ensaio para a gravação do CD aniversário dos 25 anos da escola no próximo Sábado, às 20.30h, no Salão.

A anunciada catequese de adultos vai começar no dia 14 de Novembro, uma Sexta-feira, para as pessoas que se inscreveram na Igreja Paroquial, e no dia 21 de Novembro, também Sexta-feira, para as pessoas que se inscreveram na paróquia de Janarde e no centro de Ponte de Telhe.


CANELAS

Eucaristia: Quinta-feira, às 18h, e Sábado, às 17h (Eucaristia dominical).

A anunciada catequese de adultos vai começar no dia 12 de Novembro, uma Quarta-feira, às 21h, na residência paroquial.



ESPIUNCA

Eucaristia: Quinta, 17h – Capela de Vila Viçosa; Domingo, 11.15h – Igreja Paroquial.

A anunciada catequese de adultos vai começar no dia 28 de Novembro, uma Sexta-feira, às 21h, no Centro Paroquial.


JANARDE

O próximo encontro comunitário é no Domingo, dia 9, às 8.30h, na Igreja Paroquial.

A anunciada catequese de adultos vai começar no dia 21 de Novembro, uma Sexta-feira. Esta catequese vai funcionar na Capela de Ponte de Telhe, dado que é o local mais próximo para todos os que se inscreveram.


ALBERGARIA DA SERRA

O próximo encontro comunitário é no Domingo, dia 9, às 9h.


CABREIROS

O próximo encontro comunitário é no Domingo, dia 9, às 10.15h.

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

O Sr. Manuel já foi encontrado

O Sr. Manuel foi encontrado ontem, dia 29, já sem vida. Os guardas da GNR de Arouca encontraram o corpo nos arredores da vila.

O funeral é amanhã, dia 31 de Outubro, às 16h, na Igreja Paroquial de Moldes; às 16h, sairá a procissão da capela de Santo António em direcção à Igreja Paroquial de Moldes.

Dai-lhe Senhor, o eterno descanso! Descanse em paz! Amen.

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Irmãos amados por Deus:

Graça e Paz! No próximo fim-de-semana a Igreja viverá, de maneira mais intensa e sensível, uma das mais belas expressões da sua esperança e da sua comunhão. Trata-se da esperança na vida eterna, no sentido de que a nossa vida está orientada para a sua plenitude na comunhão com o Deus vivo, que nos ama, nos chama e nos alcança para Ele.

SOLENIDADE DE TODOS OS SANTOS

Todavia, esta comunhão, entre todos o que constituem o único Corpo de Cristo (a Igreja), não se limita àqueles que ainda peregrinam sobre a Terra! De facto, a comunhão, na Igreja, vive-se também com todos os santos, com aqueles que já alcançaram a meta e nos atraem e ajudam a persegui-la, sem desanimar. Daí a celebração de «Todos os Santos», como expressão de uma esperança já realizada. Ao celebrarmos, na Eucaristia, o sacrifício do Cordeiro, unimo-nos à liturgia celeste! A nossa comunhão abraça o céu e a terra!

COMEMORAÇÃO DE FIÉIS DEFUNTOS

Mas há ainda aqueles que «partiram antes de nós», os nossos irmãos defuntos. Só Deus sabe o grau de proximidade e de permeabilidade à graça, com que eles se abriram a Deus e, na vida e na morte, se deixaram transformar pelo fogo do seu amor. Por isso, nós rezamos por eles, para que o amor de Deus, que tudo vence, vença também quaisquer resistências da parte dos seus filhos. Queira Deus que tenham vencido essa prova de fogo, para se tornarem definitivamente capazes de Deus e assim dignos de se sentarem à mesa do banquete eterno. Aos nossos irmãos defuntos pode ser dado alívio e refrigério mediante a Eucaristia, a oração e a esmola (cf. ento XVI, Spe Salvi, 46). In AG2008

Alguém viu este senhor?

Alguém viu este senhor?

Chama-se Manuel Costa Rodrigues, tem 72 anos de idade, sofre de doença mental grave e está desaparecido desde o dia 22.

Todas as ajudas na sua procura são bem-vindas!

Informações para o 112, GNR de Arouca e Santa Casa da Misericórdia de Arouca.

Por favor, ajude na sua procura!

Escola Secundária de Arouca colabora com a AMI

A Escola Secundária de Arouca está a colaborar com a AMI (Assistência Médica Interncional) na recolha de óleos alimentares usados; para isso, A ESCOLA DISPÕE DE BIDÕES PARA A DEPOSIÇÃO DOS ÓLEOS. Ajude a AMI, ajudando o ambiente.

Reciclagem de Óleos Alimentares Usados
O óleo alimentar que não serve para si pode ainda ajudar muita gente. Por isso é importante que pense bem antes de o deitar fora. Até hoje, o principal destino dos óleos usados em Portugal tem sido o despejo na rede de esgotos e este é um dos maiores erros que pode cometer.

Porquê?
Porque, quando lançados nas redes de drenagem de águas residuais, os óleos poluem e obstruem os filtros existentes nas ETAR’s, tornando-se assim um grande obstáculo ao seu bom funcionamento.

Simples gestos fazem a diferença
Ao aderir ao projecto de Recolha de Óleos Alimentares Usados não só evita a poluição da água como está a transformar o óleo em Biodiesel, uma fonte renovável de energia que diminui as emissões de CO2. Além disso, cada litro de óleo será transformado num donativo para ajudar a AMI na luta contra a exclusão social em Portugal.

Os restaurantes ou entidades que pretendam participar deverão utilizar o número de telefone 800 299 300 (chamada gratuita).

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Antigo sacristão de Arouca desaparecido...


No passado dia 22 de Outubro, desapareceu do Lar da Santa Casa da Misericórdia de Arouca o Sr. Manuel Costa Rodrigues, de 72 anos.

Fisionomia: alto, forte, cabelos brancos, sofre de alzeimer e treme das mãos.

Vestuário: camisa azul em xadrês e calças de fazenda.

Informações sobre o seu paradeiro: GNR ou Lar da Misericórdia (256 940 500).

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Avisos 60 (26-10-2008)


AVISOS COMUNS A TODAS AS PARÓQUIAS

No próximo fim-de-semana, 1 e 2 de Novembro, decorre o peditório nacional da Liga Portuguesa Contra o Cancro. Lembra-se a todos a inevitável generosidade para esta causa que pode ser de todos!

Vamos promover um encontro dos grupos corais das 9 paróquias entregues ao Pe. João Pedro e ao Pe. Paulo. Assim, os grupos corais estão convidados a participarem no ensaio no dia 9 de Novembro, às 15h, na Igreja do Mosteiro de Arouca. No dia 23, às 15h, rezaremos as vésperas cantadas na mesma Igreja, com a exposição do Santíssimo. Tanto no dia 9 como no dia 23, os grupos corais estão convidados a levar um lanche para partilhar nos claustros do mosteiro. No final da Eucaristia, o grupo coral deve procurar na sacristia os exemplares das músicas a ensaiar.


MOLDES

Eucaristia: Quarta-feira, 17h – Igreja Paroquial.

No próximo fim-de-semana, celebramos o Dia de Todos os Santos e Dia de Fiéis Defuntos. A celebração destes dias na nossa paróquia de Moldes é no Domingo, dia 2 de Novembro, com a Eucaristia às 10h na Igreja Paroquial. Segue-se a habitual romagem ao cemitério. Não há qualquer outra celebração nesses dias.

O edifício da Capela da Ponte de Telhe e o terreno circundante foram registados na Conservatória do Registo Predial de Arouca em nome da Paróquia de Moldes. O processo importou em 478,26€, já pago pela Comissão de Culto de Ponte de Telhe.


CANELAS

Eucaristia: Quinta-feira, às 18h.

No próximo fim-de-semana, celebramos o Dia de Todos os Santos e Dia de Fiéis Defuntos. A celebração destes dias na nossa paróquia de Canelas é no Domingo, dia 2 de Novembro, com a Eucaristia às 13h na Igreja Paroquial. Segue-se a habitual romagem ao cemitério.

Avisamos já que no dia 15 de Novembro, Sábado, às 21h, a Junta de Freguesia promove um Concerto de Música Sacra e Litúrgica na Igreja Paroquial. O Grupo Coral de Urrô será o animador do concerto.


ESPIUNCA

No próximo fim-de-semana, celebramos o Dia de Todos os Santos e Dia de Fiéis Defuntos. A celebração destes dias na nossa paróquia de Espiunca tem os seguintes horários: no Sábado, dia 1 de Novembro, às 16h, Eucaristia e romagem ao cemitério em Vila Viçosa; no Domingo, dia 2, às 15h, Eucaristia e romagem ao cemitério na Igreja Paroquial.

Reunião: Todos os elementos do sector da Liturgia (Leitores, Acólitos, MEC, Zeladoras, Coros) – Quarta-feira, às 21h, na Igreja Paroquial.

As obras na residência paroquial estão acabadas. A Comissão Fabriqueira convida todos os paroquianos a dirigirem-se no final da Eucaristia até junto da residência paroquial, para se proceder à respectiva bênção. No final da bênção, as portas ficarão abertas para que todos a possam visitar. Parabéns a toda a comunidade!


JANARDE (Silveiras)

No dia 1 de Novembro, Sábado, Dia de Todos os Santos, a Eucaristia será às 8h em Silveiras e às 10h na Igreja Paroquial, seguida de romagem ao cemitério.


ALBERGARIA DA SERRA

No dia 2 de Novembro, dia de Todos os Fiéis Defuntos, Domingo, a Eucaristia será às 8h, seguida de romagem ao cemitério.


CABREIROS

Eucaristia: Rio de Frades (Senhora dos Milagres) – Terça-feira, às 17h.

No dia 1 de Novembro, dia de Todos os Santos, Sábado, a Eucaristia e romagem ao cemitério será às 12h em Rio de Frades e às 14h na Igreja Paroquial. No Domingo, não há qualquer celebração.

Residência Paroquial de Espiunca ao serviço da comunidade


A Residência Paroquial de Espiunca, no concelho de Arouca, é propriedade da Paróquia de Espiunca e está, a partir de hoje, ao serviço de grupos, sobretudo paroquiais, em número de pessoas não superior a 18, sempre acompanhados dos seus "animadores", reconhecidos pela instituição que promove o campo de férias, dias de descanso ou retiro espiritual. Pretende-se fazer deste espaço um meio de evangelização, um lugar de acolhimento e encontro para todos os que nos visitarem.

A casa dispõe de rés-do-chão e primeiro andar.

O rés-do-chão tem um grande salão com 7 beliches de duas camas cada (14 camas), 1 mesa, cadeiras, e ainda um 1 WC (sanita, bidé, lavatório e chuveiro com água quente).

O 1º andar tem três divisões: cozinha/sala, quarto e WC. O espaço conjunto da cozinha e da sala está equipado com armários, fogão e forno a gás, frigorífico, louças (pratos, talheres…) e utensílios de cozinha (tachos e outros…), esquentador, televisão, sofá cama (2 pessoas), mesa para 10 pessoas e salamandra de aquecimento. O quarto tem 1 cama de casal, 1 cómoda e 1 espelho em cima da cómoda; possui ainda roupas de cama (lençóis, cobertores e edredão). O WC (sanita, bidé, lavatório e chuveiro com água quente) tem 1 armário com espelho.

Os grupos que apenas permaneçam no rés-do-chão devem fazer-se acompanhar das roupas de cama e respectivas toalhas de casa de banho; A casa, apenas permanecendo no rés-do-chão, não lhes fornece qualquer espaço de cozinha, apenas de dormida, permanência e casa de banho.

Os ocupantes que permaneçam no primeiro andar devem fazer-se acompanhar apenas dos géneros alimentícios para cozinhar.

Os ocupantes destes espaços são responsabilizados pela substituição na íntegra ou parcialmente de qualquer objecto danificado ou dano infligido na casa.

Os grupos deverão RESPEITAR a vida da aldeia, a sua cultura e o seu modo de vida, desfrutando particularmente de toda a beleza e desportos radicais que o rio Paiva e as serras vizinhas lhes proporcionam.

Atendendo às despesas de manutenção da casa (inclui-se gás, água e luz) e à carência económica da paróquia, pede-se aos utilizadores da mesma um donativo pela sua utilização. Responsáveis da Residência Paroquial: Reservas e informações – Vítor Manuel Silva Barbosa (919 863 173 / 256 944 121) Manutenção – Agostinho Rodrigues Pereira (966 420 486)

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Acólitos de Arouca iniciam ano pastoral

No passado Sábado, dia 18, os acólitos da paróquia de Arouca deram início ao seu trabalho pastoral com uma reflexão / meditação sobre as características fundamentais do acólito. Depois de se terem exercitado na identificação dos objectos litúrgicos, realizou-se um pequeno jogo.

Convidamos todos os jovens da paróquia, com gosto e vontade de servir Nosso Senhor, a inscreverem-se no grupo de acólitos.

Para darmos valor ao que temos!


O filho que muitas vezes não limpa o quarto e fica a ver televisão,
significa que... está em casa!

A desordem que tenho que limpar depois de uma festa,
significa que... estivemos rodeados de familiares e amigos!

As roupas que estão apertadas,
significa que... tenho mais do que o suficiente para comer!

O trabalho que tenho em limpar a casa,
significa que... tenho uma casa!

As queixas que escuto acerca do governo,
significa que... tenho liberdade de expressão!

Não encontro estacionamento,
significa que... tenho carro!

Os gritos das crianças,
significa que... posso ouvir!

O cansaço no final do dia,
significa que... posso trabalhar!

O despertador que me acorda todas as manhãs,
significa que... estou vivo!

domingo, 19 de outubro de 2008

JOVENS A CAMINHO...







Este Domingo, dia 19 de Outubro, teve lugar um encontro dos jovens das paróquias do Pe. João Pedro e Pe. Paulo no sentido do início pastoral das suas actividades. O encontro começou junto da Igreja Paroquial de Albergaria da Serra, pelas 14h, tendo começado com um momento de oração no interior da própria igreja. No final da oração, os jovens, acompanhados dos párocos, fizeram uma caminhada (PR 16) até às 18h. No final, juntaram-se num breve lanche de despedida, com a promessa do regresso a similar actividade. Este encontro firmou os laços de amizade entre os jovens presentes e antecipou o grau de dificuldade do trabalho juvenil nas nossas comunidades. A caminhada apresentou-se difícil em alguns momentos do seu trajecto, pelo que se pode dizer que também o trabalho a desenvolver com os nossos jovens não é fácil, dadas todas as grandes solicitações a que todos estão sujeitos diariamente.

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

«Dai a César o que é de César e a Deus que é de Deus.»

DIA MUNDIAL DAS MISSÕES

Casal de Coimbra em missão na Argentina


O casal Cláudia e Carlos João encontra-se actualmente na Argentina. Aquilo que era para ter sido uma experiência de apenas um ano, veio a prolongar-se um pouco mais, fruto da necessidade daquele país. Imbuídos no espírito de servir e de amar o próximo, este casal tem feito sucesso naquele país latino. Numa entrevista feita on-line (através da Internet) conseguimos saber aquilo que os levou a partir em missão para Argentina.

O que é que vos levou a “embarcar” nesta aventura?

Nós somos um casal missionário dos Servidores do Evangelho da Misericórdia de Deus, comunidade que está presente em Coimbra desde 2002, à qual pertencem missionários (sacerdotes ou não), missionárias, casais missionários e leigos. Estamos aqui na Argentina desde Agosto de 2006, com os nossos 3 filhos (o João Samuel e o Daniel com 4 anos e o Pedro com 2 anos) e a nossa vinda não resultou de um impulso ou de uma decisão de momento; foi um caminho de discernimento comunitário que procurou acompanhar aquilo que nós intuíamos como chamamento de Deus. Este discernimento não é mais do que, através da oração e da partilha em comunidade, a procura séria da vontade de Deus para as nossas vidas. A certeza de que é a Ele a quem estamos a responder, nos levou, e leva a cada dia, a avançar, confiando na Sua Palavra e Providência, pois quem confiou em Deus e foi defraudado? Foi (é) uma aventura que está assegurada, não por seguros humanos, mas pela mão d’Aquele que nos envia, sustém e acompanha quotidianamente.O nosso desejo era de poder ter um tempo – que inicialmente era para ser um ano, mas que já se estendeu um pouco mais – de mais formação, como base da nossa vida missionária. Viemos para a Argentina porque é aqui que está todo o grupo de missionárias/os em formação, aos quais nos juntámos no estudo da teologia. Reconhecíamos também a riqueza de poder conhecer a realidade da Igreja na América Latina, onde nunca tínhamos estado e de que tanto se fala na Europa.

É normal existirem casais que se dediquem ao voluntariado?

Nós não entendemos a nossa missão como o que habitualmente chamamos voluntariado – um tempo na vida em que nos dedicamos a realidades de pobreza, ou em ajudar situações mais difíceis. Para nós este tempo aqui na Argentina não é um “parêntesis” na nossa vida. Nós somos missionários, aqui, aí, ou onde quer que Deus nos envie; nas situações mais quotidianas e naquelas, muito menos habituais, que são extraordinárias. Aliás esta é a verdade de cada baptizado: sacerdote, profeta e rei, sempre e onde quer que esteja, dignidade que é Cristo quem dá, não é por méritos ou qualidades próprios. Levamos este tesouro em recipientes de barro, para mostrar que este poder é de Deus e não nosso. Integrados na nossa comunidade daqui, presente em 4 dioceses com cerca de 60 missionários e missionárias, tentamos colaborar na missão da Igreja Argentina, apoiando na formação de cristãos que possam ser fermento de comunhão nas paróquias e dioceses em que estão.

Argentina é terra de missão?

A missão da Igreja, de cada cristão, não depende do país onde está – como dizíamos antes somos missionários onde quer que estejamos. Assim, não há nenhuma terra que não seja de missão.Sempre ouvimos falar que a América Latina tem o maior número de católicos, que aqui as pessoas têm muita fé, em particular fé em Maria, mãe de Jesus e nossa mãe. Isso é verdade. É de facto uma vivência de fé bastante diferente da que nós temos aí na Europa. É para nós um grande contágio a fé simples de pessoas que sofreram e sofrem com tantas injustiças, a docilidade a Deus e capacidade de conversão de corações que se sabem necessitados de Deus para poderem viver em paz, a procura constante em Deus e em Maria da força, do ânimo e da esperança necessários para cada novo dia.Mas isto não quer dizer que tudo esteja bem. Há muito trabalho a fazer no acompanhamento dos jovens e das famílias. A realidade familiar aqui na Argentina, ainda que diferente da realidade de Portugal, é bastante semelhante na necessidade de anunciar a fé e de formação. Constatamos que a vocação ao matrimónio necessita pelo menos tanta formação, de fé e de vida, como as demais vocações e que devemos apostar nela se queremos que as famílias sejam “fermento no meio da massa”. Aqui na Argentina a família mantém muito fortes os laços avós-pais-filhos, sendo muito normal encontros ao domingo de toda a família para o tradicional assado. Também nos espanta ver os parques cheios de famílias, sentados na relva a tomar “mate” (bebida típica), a conversar, nas tardes de domingo. Mas também se encontram muitas realidades de ruptura, segundas uniões, gravidez na adolescência. Numa sociedade que quer desenvolver-se e que procura na Europa e na América do Norte os modelos, a nossa missão é anunciar a Cristo como Aquele que realmente sustém e orienta uma vida, uma família, que só a partir do encontro pessoal com Ele se pode transformar a realidade.

O que fazem concretamente no vosso dia-a-dia?

O nosso dia a dia não é muito diferente da maioria das famílias. Durante a semana levantamo-nos cerca das 7h da manhã. Por volta das 8h já estamos a deixar os filhos no jardim-de-infância (a cerca de 30 minutos de carro) que fica mesmo ao lado, onde nós temos aulas. Até às 10h temos tempo de oração, e depois aulas são até às 13:30. Depois regressámos a casa, e a tarde é preenchida com estudo ou apostolado: escolas de oração, revisões de vida, acompanhamento de casais ou namorados. Isto tudo, claro está, não esquecendo a missão importantíssima que é ser pais a tempo inteiro. Os nossos filhos estão sempre connosco, excepto no tempo que estão no jardim-de-infância (das 8h-12h), pelo que nem sempre estamos os dois em tudo.Todas as segundas-feiras são dias de encontro e oração para todos os missionários/as que estão aqui no grande Buenos Aires. É um momento muito importante onde vamos fazendo nossa a vida de cada irmão de comunidade e o caminho que se faz em cada pequena comunidade aqui na Argentina. É também um momento de fazer real o caminho em comunhão entre todos.Um fim-de-semana por mês temos um encontro de oração e formação com todas as pessoas das várias dioceses do grande Buenos Aires que caminham com os Servidores do Evangelho. Durante este ano tivemos também 3 fins-de-semana de encontro de casais, que é um tempo de escuta, oração e partilha.

Tem alguma história que mereça um registo?

Histórias temos muitas, mas pensamos que as que são mais importantes são aquelas em que vemos claramente a acção de Deus. Ficou-nos gravado um fim-de-semana de encontro de casais, em que nos deparámos com um grupo de casais em que a maioria vinha em situação de ruptura, sendo esse fim-de-semana a última oportunidade que se davam. Uns vinham já sem aliança, outros já convencidos de que não era possível continuar. Diante dessa situação a única coisa que como comunidade pudemos fazer foi pô-la nas mãos de Deus para que as nossas pobres vidas e testemunho pudessem servir para que Ele transformasse essa realidade. Houve um momento muito bonito, que seguramente ficará gravado em nós e nos casais que aí estavam, em que convidámos a que cada casal se aproximasse da cruz (uma cruz grande que temos numa capela) e que de joelhos diante de Jesus pedisse que Ele renovasse o amor. Cada casal foi fazendo esse gesto simples, cada um demorando o tempo que necessitava... uns pediam perdão mutuamente, outros ficavam em silêncio... A abertura a Cristo, ao Seu amor, deu-lhes força para recomeçar o caminho do matrimónio. Isto é muito bonito porque no próximo domingo teremos um encontro com vários desses casais que estiveram nesse fim de semana e que continuam a querer crescer no amor mútuo, conscientes de que necessitam vitalmente uma experiência de fé viva, vivida em comunidade, e do encontro pessoal com Cristo.
Entrevista publicada por Correio de Coimbra em 30 de Novembro de 2007.

A missão em casal - um testemunho


Joana Portela e Carlos Rodrigues foram voluntários em Moçambique, de 2002 a 2004, e são um caso especial, porque a sua missão decorre enquanto casal.

“Partimos em missão para Moçambique dois meses depois de casarmos, confiantes de que ‘É Deus quem passa e faz partir. É Deus quem faz a casa’, como anunciava o cântico que escolhemos para abrir o nosso casamento”, indicam.

Segundo o casal, “partir por dois anos como missionários dos Leigos para o Desenvolvimento foi um projecto sonhado a dois, que foi crescendo e amadurecendo durante os anos de namoro”.

Ambos recordam que “enquanto casal, confrontámo-nos com algumas situações que traduzem bem as diferenças culturais. Na missa, por exemplo, permanecíamos juntos, embora o costume local fosse mulheres para um lado, homens para o outro, mesmo entre os casais”.

“Uma experiência missionária, numa realidade tão diferente da nossa – por vezes tão dura, por vezes tão cheia de Deus – marca-nos a vida. Muda-nos a vida. O tempo de missão, vivido em cumplicidade, foi fundamental, sobretudo, para percebermos o que queremos fazer da nossa vida, como queremos vivê-la, lá ou cá, como queremos educar os nossos filhos”, asseguram.

Para Joana Portela e Carlos Rodrigues, “termos passado por esta experiência juntos contribuiu muito para falarmos a mesma linguagem, para partilharmos as mesmas preocupações em relação ao mundo, para estarmos em sintonia quanto ao nosso projecto de vida e à nossa missão como cristãos”.

In Ecclesia, 16/10/2008

Servos e apóstolos de Jesus Cristo


Outubro missionário

Igreja quer fazer da acção missionária uma «urgência e prioridade». Portugal ainda vive o rescaldo do Congresso Nacional sobre este tema

A Igreja Católica dedica no mês de Outubro uma particular atenção ao mundo missionário, desenvolvento nas suas comunidades uma série de actividades destinadas a promover a Missão como “urgência e prioridade».

Particularmente importante é o terceiro Domingo deste mês, em que se celebrará o 82º Dia Mundial das Missões, este ano sob o lema “Servos e apóstolos de Jesus Cristo", escolhido por Bento XVI.

O Papa aproveita a sua mensagem para o Dia Mundial das Missões 2008 para lançar um olhar preocupado sobre o panorama internacional: “Se por um lado mostra um grande desenvolvimento económico e social, por outro oferece-nos fortes preocupações sobre o futuro do próprio homem”.

Entre os males de hoje, aponta a violência; a pobreza; a discriminação e as perseguições por motivos raciais, culturais e religiosos; o progresso tecnológico, com fins diferentes da dignidade humana e o bem do homem; o uso indiscriminado de recursos.

Neste 82.º Dia Mundial das Missões, o Papa lembra que "o mandato missionário continua a ser uma prioridade absoluta para todos os baptizados, chamados a ser «servos e apóstolos de Cristo» neste início de milénio”.

“Enquanto permanece necessário e urgente a evangelização em muitas regiões do mundo, diminui o clero e faltam vocações. Factos que afligem hoje várias dioceses e institutos de vida consagrada. É importante confirmar que, na presença de crescentes dificuldades, o mandato de Cristo de evangelização, permanece como prioridade”, pode ler-se.

Nenhuma razão pode justificar uma “diminuição ou estagnação” nas missões, aponta Bento XVI. Anunciar o Evangelho, afirma o Papa, recordando as palavras de Paulo, “não é um peso, mas uma tarefa e uma alegria”.

Bento XVI pede aos religiosos e religiosas para levarem o “anúncio do Evangelho a todos, especialmente aos que estão longe, com um testemunho coerente com Cristo e uma opção radical pelo Evangelho”. Aos leigos, pede “empenho no testemunho num areópago complexo e multiforme da evangelização: o mundo”.

Bento XVI lembra ainda o contributo que as Obras Missionárias Pontifícias (OMP) para as acções evangelizadoras da Igreja. O Papa convida a intensificar “sempre e mais a oração entre os cristãos, medida indispensável para difundir a luz de Cristo às pessoas”.

In Agência Ecclesia, 04/10/2008

VIGÍLIA MISSIONÁRIA

Integrado no mês do Rosário e no mês Missionário (Outubro) terá lugar no próximo dia 21 de Outubro, pelas 21.00h na igreja do Mosteiro de Arouca, durante o Espaço de Oração, uma Vigília Missionária de oração e de reflexão sobre as Missões. Apareça!...

Avisos 59 (19 de Outubro de 2008)

AVISOS COMUNS A TODAS AS PARÓQUIAS

O Sr. Presidente da Câmara Municipal de Arouca pede para avisar o seguinte: “Dou conhecimento a todos os interessados, que se encontra aberto um período de discussão pública do Plano Director Municipal de Arouca, em revisão, pelo prazo de 30 dias, que vai desde o dia 23 de Outubro ‘08 a 05 de Dezembro ‘08, período durante o qual poderão apresentar as reclamações, sugestões ou observações que tenham por razoáveis ou convenientes.”

No próximo Domingo, 26 de Outubro, tem início o período de “Hora de Inverno”. Os relógios irão ser atrasados de 60 minutos às 2h da madrugada de Domingo.

MOLDES

Eucaristia: Quarta-feira, 18h – Igreja Paroquial.

Alteração na frequência das celebrações na Capela de Ponte de Telhe: Um Domingo – Celebração da Palavra pelos Animadores das ADEP às 10.15h / Nos dois Sábados a seguir, haverá Eucaristia, às 20h de Verão e às 19h de Inverno. Na véspera de Natal, 24 de Dezembro, haverá Eucaristia da Vigília, às 16h.

Reuniões: Comissão Fabriqueira – Terça-feira, 21h, residência paroquial; Pais dos alunos que frequentam ou querem vir a frequentar a Escola de Música – Sexta-feira, às 21h, no Salão Paroquial.

Hoje à tarde, Domingo, os jovens dos grupos de jovens das nove paróquias entregues ao Pe. João Pedro e ao Pe. Paulo vão realizar uma caminhada pela serra. A concentração é junto da Igreja Paroquial de Albergaria da Serra, às 14h.

CANELAS
Eucaristia: Quinta-feira, às 19h; Sábado, às 18h.

Reunião: Comissão Fabriqueira – Quinta-feira, às 21h.

Avisamos já que no dia 15 de Novembro, Sábado, às 21h, a Junta de Freguesia promove um Concerto de Música Sacra e Litúrgica na Igreja Paroquial. O Grupo Coral de Urrô será o animador do concerto.

Hoje à tarde, Domingo, os jovens dos grupos de jovens das nove paróquias entregues ao Pe. João Pedro e ao Pe. Paulo vão realizar uma caminhada pela serra. A concentração é junto da Igreja Paroquial de Albergaria da Serra, às 14h.

ESPIUNCA

Eucaristia: Quinta-feira, 18h – Vila Viçosa; Domingo, 11.15h – Igreja Paroquial.

Alteração das celebrações comunitárias: 1- No dia 1 de Novembro, a Eucaristia e romagem ao cemitério em Vila Viçosa será às 16h, e não às 15h, como estava anunciado; 2- Na véspera de Natal, 24 de Dezembro, haverá Eucaristia em Vila Viçosa, às 17.30h; 3- No dia de Ano Novo, a Eucaristia na Igreja Paroquial será às 11.15h, e não na véspera, como estava anunciado.

Hoje à tarde, Domingo, os jovens dos grupos de jovens das nove paróquias entregues ao Pe. João Pedro e ao Pe. Paulo vão realizar uma caminhada pela serra. A concentração é junto da Igreja Paroquial de Albergaria da Serra, às 14h.

JANARDE

Alteração das celebrações comunitárias: 1- A Eucaristia celebrada de três em três semanas na Capela de Silveiras, passa a ser à Quinta-feira, às 17.30h de verão e às 16.30h de inverno; 2- No dia de Natal, 25 de Dezembro, haverá Eucaristia às 8.30h, na Igreja Paroquial; 3- No dia de Ano Novo, não haverá Eucaristia; 4- Pede-se o favor de levarem as novas escalas para os vários lugares da paróquia.

A próxima celebração será em Silveiras, no próximo Domingo, às 9h.

No dia 1 de Novembro, dia de Todos os Santos, Sábado, a Eucaristia será às 8h em Silveiras e às 10h na Igreja Paroquial, seguida de romagem ao cemitério.

ALBERGARIA DA SERRA
O próximo encontro comunitário é no Domingo, 26 de Outubro, às 8.30h.
No dia 2 de Novembro, dia de Todos os Fiéis Defuntos, Domingo, a Eucaristia será às 8h, seguida de romagem ao cemitério.

CABREIROS
O próximo encontro comunitário é no Domingo, 26 de Outubro, às 14.30h.
No dia 1 de Novembro, dia de Todos os Santos, Sábado, a Eucaristia será às 14h, seguida de romagem ao cemitério.

Pedido de aviso da Câmara Municipal de Arouca

PLANO DIRECTOR MUNICIPAL DE AROUCA
ABERTURA DO PERÍODO DE DISCUSSÃO PÚBLICA


Dou conhecimento a todos os interessados, que se encontra aberto um período de discussão pública do Plano Director Municipal de Arouca, em revisão, pelo prazo de 30 dias, que vai desde o dia 23 de Outubro ‘08 a 05 de Dezembro ‘08, período durante o qual poderão apresentar as reclamações, sugestões ou observações que tenham por razoáveis ou convenientes.

A proposta de Plano, o relatório ambiental, acompanhada do parecer da Comissão de Acompanhamento e demais pareceres emitidos e os resultados da concertação, encontram­-se disponíveis nos serviços da Divisão de Planeamento, sita no Edifício dos Paços do Concelho, Praça do Município, 4544-001 Arouca, durante o período de discussão pública, todos os dias úteis das 9.00 horas as 12.30 horas e das 14.00 horas às 17.30 horas.

As reclamações, sugestões ou observações deverão ser dirigidas ao Presidente da Câmara Municipal de Arouca, Praça do Município, 4544-00 Arouca, mediante impresso próprio a fornecer pela Divisão de Planeamento.

Arouca, 09 de Outubro de 2008

O Presidente da Câmara
José Artur Tavares Neves

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Acólitos de Rossas iniciam ano pastoral

No passado Sábado, dia 11, os acólitos da paróquia de Rossas deram início ao seu trabalho pastoral com uma reflexão / meditação sobre as características fundamentais do acólito. Depois de se terem exercitado na identificação dos objectos litúrgicos, realizou-se uma pequena caminhada de duas horas, terminando com um almoço partilhado no adro da Senhora do Campo.

Convidamos todos os jovens da paróquia, com gosto e vontade de servir Nosso Senhor, a inscreverem-se no grupo de acólitos.

O homem que caiu num buraco...

Um dos comentários diz o seguinte: «Achei meditativa a parábola, mas quando diz:"...quando atingisse o nirvana,todo o sofrimento iria cessar..."que significado tem a palavra nirvana?»

A resposta é a seguinte: a palavra nirvana tem a ver com o Budismo. No Budismo, nirvana, literalmente "extinção", é o culminar da busca pela libertação. De acordo com a concepção budista, o nirvana seria uma superação do apego aos sentidos, da ignorância e a superação da existência, que é pura ilusão.

domingo, 12 de outubro de 2008

Já pensou em desenvolver a sua musicalidade?

Tem agora a grande oportunidade de inscrever-se na Escola de Música de Moldes. O ano está a começar e ainda pode inscrever-se como aluno. O corpo docente é de grande qualidade e o trabalho realizado há já 25 anos tem dado frutos de excelência em muitos e muitos alunos que não só se iniciaram na arte musical, mas também foram longe e acabaram por fazer da música a sua actividade principal e a realização da própria vocação.

A Direcção da Escola de Música da paróquia de Moldes pede para avisar:

1- Início das actividades: 18 de Outubro (Sábado), às 14h, no Salão Paroquial;
2- Reunião com os pais dos alunos que frequentam ou querem vir a frequentar a escola: 24 de Outubro (Sexta-feira), às 21h;

3- Inscrições abertas para a frequência da escola: podem inscrever-se na escola no dia 18 de Outubro, às 14h.

JÁ PENSOU EM DESENVOLVER A SUA MUSICALIDADE?

ESCOLA DE MÚSICA DE MOLDES


HISTÓRIA, ACTIVIDADE E PROJECTO
passado, presente e futuro

A Escola de Música de Moldes iniciou a sua actividade em Março de 1984; está, portanto, próxima de comemorar o seu 25º aniversário de existência. Desde o seu início, tem como objectivos principais contribuir para a descoberta da riqueza que é a música, possibilitar uma aprendizagem base de educação musical, permitir a descoberta do que é ser e viver em grupo (o respeito pelo outro, o sentido da responsabilidade, a criação de laços de amizade).

A sua história, ao longo destas duas décadas e meia, tem-se escrito nota a nota… Com períodos de maior ou menor entusiasmo, de maior ou menor visibilidade, mas sempre com simplicidade e, sobretudo, dentro de uma coerência de princípios. Delas podemos recordar as estreias dos primeiros elementos na Eucaristia, os inesquecíveis Campos de Férias, o pequeno Coro Infantil, as participações em Encontros de música, os diversos Concertos realizados e, sobretudo, o apoio que deu na revelação da maravilha que é a Música como parte integrante na vida de cada um. São já, pelo menos duas gerações: A primeira em que os seus elementos já cresceram, alguns ainda continuam a assumir algumas responsabilidades nesta escola, outros, só eles sabem que um dia fizeram parte dela e, outros ainda, iniciando-se nela, fizeram da música sua profissão; E a segunda, composta por crianças que actualmente frequentam a escola, muitos deles filhos da primeira geração.

No ano de 2007, por exemplo, procedeu-se a uma reorganização do tipo de ensino com a colaboração de três professores de música (educação musical, percussão e canto, flauta transversal e viola clássica); concretizou-se a aquisição de um amplo leque de novos instrumentos com a candidatura ao projecto "A Escola de Música de Moldes" apoiado pela ADRIMAG; procurou-se tornar visível o trabalho efectuado no dia-a-dia da escola, com a participação nas eucaristias dominicais e a realização de dois concertos nos dias 22 e 23 de Dezembro, em estreita colaboração com o Coro de Pequenos Cantores da Paróquia de Arouca.

Em 2008, destacamos a implementação de um método de ensino que vai até ao 3.° Grau de Formação Musical; a continuação do ensino personalizado de flauta transversal e viola clássica; a aposta no intercâmbio entre vários grupos paroquiais ligados à música e ao canto; e escolha de repertório para a gravação de um CD comemorativo dos 25 anos de existência da Escola de Música de Moldes (feita selecção de canções populares arouquenses, recolhidas ao longo de duas décadas pelo Prof. Ramiro Fernandes e solicitados arranjos para as mesmas, a dois musicólogos).

Mas o futuro passa pelos projectos e a sua concretização. Para 2009, ano das bodas de prata, existem vários desses projectos: a gravação de um CD comemorativo dos 25 anos da Escola de Música de Moldes, bem como o apoio na gravação de um outro CD com o Pianista Ângelo Martingo que iniciou a sua aprendizagem musical nesta escola e a edição de um livro de canções populares arouquenses, ainda não publicadas, recolhidas pelo Prof. Ramiro Fernandes, um dos fundadores desta escola. São, sem dúvida, três propostas interessantes que parecem fazer todo o sentido neste momento, mas que são muito exigentes e necessitarão do apoio de todos.


PLANO DE ACTIVIDADES

Actividades regularem todos os Sábados
* Aulas de educação musical - Prof. Clara Brandão
* Ensino de Flauta transversal - Prof. Clara Brandão
* Ensino de Viola - Prof. Tiago Martins
* Ensaio/Preparação de reportório do CD - Prof. Raquel Cerca

Organização de Concerto para os Pais e familiares, comemorativo dos 25 anos da criação da Escola de Musica de Moldes (Abril).

Organização de um Passeio da Escola de Música

Preparação e Gravação de CD comemorativo dos 25° Aniversário da Escola de Musica de Moldes.

Apoio na gravação de um CD com o Pianista Ângelo Martingo

Apoio na edição de um Cancioneiro de músicas populares arouquenses, recolhidas pelo Prof. Ramiro Femandes.


OBSERVAÇÃO

Como é do conhecimento dos Pais dos alunos que frequentam a Escola de Música de Moldes, foi instituído o pagamento de um donativo de 5€ / mês por cada aluno.
Este donativo destina-se, exclusivamente, ao pagamento de ajudas de custo aos professores. Estes professores têm formação na área da música e do seu ensino e têm revelado o maior profissionalismo e entusiasmo. O mínimo que se pode fazer é contribuir nos custos que implica a vinda à escola de música todos os Sábados, bem como à outras actividades programadas.
De sublinhar, contudo, que estes professores "vestiram a camisola" da Escola de Música de Moldes e, sendo o dinheiro insuficiente para pagar o adequado à suas competências e formação, recebem apenas o contributo monetário que advém deste donativo dos pais.


Os responsáveis pela Escola de Música:

Sónia Ferreira, Raquel Cerca, Daniela Pinho, Ana Maia,
Marisa Santos, Ângelo Martingo, Miguel Carvalho

Apresentação de Contas - Festas Paroquiais




sábado, 11 de outubro de 2008

Avisos 58 (12 de Outubro de 2008)

AVISO COMUM A TODAS AS PARÓQUIAS

A Família Salesiana pede para avisar que vai promover a sua peregrinação anual no próximo dia 26 de Outubro ao Santuário de Nossa Senhora Auxiliadora de Mogofores. As inscrições são até ao dia 22 no Centro Juvenil.

MOLDES

Eucaristia: Terça-feira, 18h – Fuste; Quarta-feira, 18h – Igreja Paroquial; Sábado, 20h – Ponte de Telhe.

Reuniões: Todos os elementos do sector da Liturgia (Leitores, Acólitos, MEC, Zeladoras, Coros – Sexta-feira, às 21h, na Igreja Paroquial; Comissão de Culto da Capela de Ponte de Telhe – Sábado, 21h (no final da Eucaristia).

A Direcção da nossa Escola de Música pede para avisar que no dia 24 de Outubro, às 21h, há uma reunião com os pais dos alunos que frequentam ou querem vir a frequentar a escola. Não falte ninguém! As actividades curriculares terão início no Sábado, dia 18 de Outubro, às 14h. Com inscrições abertas.

Os jovens dos grupos de jovens das nove paróquias entregues ao Pe. João Pedro e ao Pe. Paulo vão realizar uma caminhada pela serra no próximo Domingo, dia 19 de Outubro. A concentração é junto da Igreja Paroquial de Albergaria da Serra, às 14h.

Os Animadores das ADEP pedem para avisar que, pelo menos, nos Domingos da celebração da Palavra em Ponte de Telhe, as crianças e os catequistas deste centro devem apresentar-se e organizar-se no sentido de ajudarem à boa celebração do Domingo. Sugerem que cada ano de catequese prepare a liturgia de cada Domingo.

CANELAS

Eucaristia: na Quinta-feira, às 19h; no Domingo, às 11.15h.

Reunião: Todos os elementos do sector da Liturgia (Leitores, Acólitos, MEC, Zeladoras, Coros – Quarta-feira, às 21h, na Igreja Paroquial.

O início da catequese na nossa comunidade será na Eucaristia do próximo Domingo, dia 19 de Outubro. Nesse dia, todos os catequizandos e catequistas celebrarão a Festa do Acolhimento com as crianças do 1º ano e o Envio dos catequistas. Não falte ninguém!

Os jovens dos grupos de jovens das nove paróquias entregues ao Pe. João Pedro e ao Pe. Paulo, vão realizar uma caminhada pela serra no próximo Domingo, dia 19. A concentração é junto da Igreja Paroquial de Albergaria da Serra, às 14h.

ESPIUNCA

Eucaristia: Alteração em Vila Viçosa (1ª semana: Quinta / 2ª: Quinta: / 3ª Sábado) – Quinta-feira, 18h – Vila Viçosa; Sábado, 18h – Igreja Paroquial.

A Comissão Fabriqueira esteve reunida esta semana e pediu para avisar que as contas das festas paroquiais devem ser apresentadas publicamente na Igreja. Assim, pede-se às Comissões de Festas do Senhor dos Enfermos de Serabigões e de São Pelágio de Vila Viçosa, do ano de 2008, que façam o favor de apresentar as respectivas contas! As Comissões de Festas de São Miguel e do Senhor já apresentaram.

Os jovens dos grupos de jovens das nove paróquias entregues ao Pe. João Pedro e ao Pe. Paulo vão realizar uma caminhada pela serra no próximo Domingo, dia 19 de Outubro. A concentração é junto da Igreja Paroquial de Albergaria da Serra, às 14h.

ALBERGARIA DA SERRA

Dado que no dia da entrada do novo Pároco, os paroquianos disseram que não queriam encontros comunitários à Sexta e ao Sábado, expressando a vontade de que se realizassem apenas ao Domingo; dado que, para vos atender no pedido que fizestes, o pároco teve de pedir ao senhor Bispo para passar a celebrar quatro eucaristias em cada Domingo, em vez das três que lhe são permitidas por lei; o novo esquema dos vossos encontros comunitários dominicais passa a ser o seguinte: 1º Domingo: Eucaristia às 8.30h / 2º Domingo: Eucaristia às 8.30h / 3º Domingo: Celebração da Palavra pelos Animadores das ADEP às 9h.

O próximo encontro comunitário é no Domingo, dia 19 de Outubro, às 9h.

CABREIROS

O esquema dos encontros comunitários dominicais é o seguinte: 1º Domingo: Eucaristia às 14.30h / 2º Domingo: Eucaristia às 14.30h / 3º Domingo: Celebração da Palavra pelos Animadores das ADEP às 10.15h. Na Capela de Tebilhão, haverá Eucaristia na terceira Terça-feira de cada mês, às 18h de Inverno e às 17h de Verão; na Capela de Rio de Frades (Nossa Senhora dos Milagres), haverá Eucaristia na quarta Terça-feira de cada mês, às 18h de Verão e às 17h de Inverno.


O próximo encontro comunitário é no Domingo, dia 19 de Outubro, às 10.15h.

sábado, 4 de outubro de 2008

Avisos 57 (5 de Outubro de 2008)

AVISO COMUM

Pedem para avisar da parte do Ministério da Agricultura que se encontram abertas as inscrições para o subsídio do gasóleo agrícola para o ano de 2009. As inscrições são entre 24 de Setembro e 14 de Novembro no local habitual.

MOLDES

Eucaristia: Terça-feira, 18h – Bustelo; Quarta-feira, 18h – Igreja Paroquial; Sexta-feira, 18h – Ponte de Telhe.

Reunião: Apostolado da Oração – Quinta-feira, às 21h, na residência paroquial.

O início da catequese na nossa comunidade será na Eucaristia do próximo Domingo, dia 12 de Outubro. Nesse dia, todos os catequizandos e catequistas devem apresentar-se na Igreja paroquial a fim de celebrarem a Festa do Acolhimento com as crianças do 1º ano e o Envio dos catequistas.

CANELAS

Eucaristia: na Quinta-feira, às 19h; no Sábado, às 18h, a Eucaristia dominical.

Logo, pelas 17h, sairemos em procissão pelas ruas da nossa paróquia de Canelas, neste dia que dedicamos ao nosso Padroeiro São Miguel.

ESPIUNCA

Eucaristia: Sábado, 16.30h – Vila Viçosa; Domingo, 11.15h – Igreja Paroquial.

Reunião: Comissão Fabriqueira – Quarta-feira, às 21h, no Centro Paroquial.

O início da catequese na nossa comunidade será na Eucaristia do próximo Domingo, dia 12 de Outubro. Nesse dia, todos os catequizandos e catequistas devem apresentar-se na Igreja paroquial a fim de celebrarem a Festa do Acolhimento com as crianças do 1º ano e o Envio dos catequistas.

Pediram a alteração da hora da missa do dia da festa ao São Martinho, a celebrar no dia 16 de Novembro. Ainda não foi possível encontrar a disponibilidade de um presbítero que possa ajudar o pároco nesta alteração. Sendo possível, daremos notícias durante o mês de Outubro.

ALBERGARIA DA SERRA

O próximo encontro comunitário é no Domingo, dia 12 de Outubro, às 8.30h.

Durante o Mês de Outubro, devem informar-me sobre o número de crianças em idade para a catequese, a fim de se pensar em fazer-lhes catequese. Desde já, se deixa dito que será necessário que apareça alguém disposto a fazer a catequese com estas crianças.

CABREIROS

Tendo assumido a paroquialidade de seis paróquias (Albergaria da Serra, Cabreiros, Canelas, Espiunca, Janarde e Moldes), o Pe. Paulo teve a necessidade de alterar a frequência e os horários da celebração dos Sacramentos nos 18 centros de culto que fazem parte destas seis paróquias.

Tendo em conta que:
· Dos 18 centros de culto, 6 são igrejas paroquiais, 7 são capelas com culto habitual e 5 são capelas com culto anual;
· A área total das seis paróquias é de 114,85 Km2;
· Sendo humanamente impossível um padre conseguir presidir pessoalmente a todas as celebrações num único dia;
· Os padres têm especiais responsabilidades na Igreja que todos formamos, mas os leigos também as têm;
Em breve, será avisado o novo esquema dos encontros comunitários na paróquia de Cabreiros.

Como ainda não se acertou o novo esquema em todas as seis paróquias, a próxima Eucaristia na Igreja Paroquial será no Sábado, dia 11 de Outubro, às 20h.

Pedimos ao nosso Bom Deus e nosso Pai que conceda ao vosso pároco a humildade de receber de bom grado tudo aquilo que não vos agradar; pedimos ainda que conceda a todos os paroquianos a paciência e a compreensão no fiel cumprimento destas normas, ajudando em tudo à vida da nossa grande comunidade de São Mamede de Cabreiros! Bendigamos ao Senhor! Graças a Deus!