quinta-feira, 25 de setembro de 2008

INÍCIO DA CATEQUESE

A catequese nas nossas paróquias iá ter início durante o mês de Outubro, nas Eucaristias dominicais. Desde já, convidamos todos os pais das crianças e adolescentes a estarem presentes nesse dia, que se quer de festa e de recomeço.

"Transmitir a fé aos filhos, com a ajuda de outras pessoas e instituições como a paróquias, a escola ou as associações católicas, é uma responsabilidade que os pais não podem esquecer, descuidar ou delegar completamente."

Papa Bento XVI, 8 de Julho de 2006, na viagem apostólica a Valência, Espanha, por ocasião do V Encontro Mundial das Famílias.

Albergaria da Serra: novo esquema celebrativo

Tendo assumido a paroquialidade de seis paróquias (Albergaria da Serra, Cabreiros, Canelas, Espiunca, Janarde e Moldes), o Pe. Paulo teve a necessidade de alterar a frequência e os horários da celebração dos Sacramentos nos 18 centros de culto que fazem parte destas seis paróquias.

Dado que, dos 18 centros de culto, 6 são igrejas paroquiais, 7 são capelas com culto habitual e 5 são capelas com culto anual;
Dado que, sendo humanamente impossível um padre conseguir presidir pessoalmente a todas as celebrações num único dia;
Dado que, os padres têm especiais responsabilidades na Igreja que todos formamos, mas os leigos também as têm;

O novo esquema dos encontros comunitários na paróquia de Albergaria da Serra, a entrar em vigor a partir do dia 1 de Outubro de 2008, próxima Quarta-feira, é o seguinte:

Eucaristia – Esquema em 3 semanas: 1ª: Sexta / 2ª: Sábado / 3ª: Domingo
Sexta: 19h (Verão) / 18h (Inverno) – alternando com Sáb/Dom
Sábado: 20h (Verão) /19h (Inverno) – alternando com Dom/Sex
Domingo: 8.30h – alternando com Sex/Sáb
Domingo a seguir à Eucaristia de Sexta: 9h – Celebração da Palavra
Dom+Dom+Sáb OU Sex/Dom + Sáb + Dom

No próximo fim-de-semana, a Eucaristia será no Sábado, às 20h;

As festas paroquiais são as seguintes e realizam-se nos seguintes dias e horas:
· Festa da Ascensão – 31 de Maio – 11.15h: Eucaristia e Procissão
· Festa S. António – 14 de Junho – 13.30h: Eucaristia e procissão – Castanheira
· Nossa Senhora da Assunção – 15 de Agosto – 10h: Eucaristia e procissão

As festas litúrgicas que se realizam fora das horas habituais são:
· Fiéis Defuntos – 2 de Novembro – 8h: Eucaristia (Romagem)
· Natal do Senhor – 24 de Dezembro – 17.30h: Eucaristia da Vigília
· Santa Maria, Mãe de Deus – 1 de Janeiro – 10h: Eucaristia
· Quinta-feira Santa – 9 de Abril – 16.30h: Missa da Ceia
· Páscoa – 12 de Abril – 11h: Eucaristia
· Corpo de Deus – 10 de Junho – 19h: Eucaristia vespertina

A tudo isto, deve acrescentar-se quanto segue:
· Todas as Eucaristias têm intenções pelos mortos (semana e Domingo), com a excepção dos seguintes dias: Todos os Santos, Fiéis Defuntos, Dia de Natal, Domingo de Ramos até ao Domingo de Páscoa, dias das festas dos santos;
· A Eucaristia de 7º dia de falecimento é em qualquer Eucaristia, mesmo que seja necessário incluí-la na Eucaristia da festa de algum santo;

Se ainda vos restar algum fôlego, deveis consultar o placar à porta da igreja, onde constam todas estas informações.

Pedimos ao nosso Bom Deus e nosso Pai que conceda ao vosso pároco a humildade de receber de bom grado tudo aquilo que não vos agradar; pedimos ainda que conceda a todos os paroquianos a paciência e a compreensão no fiel cumprimento destas normas, ajudando em tudo à vida da nossa grande comunidade de Nossa Senhora da Assunção de Albergaria da Serra! Bendigamos ao Senhor! Graças a Deus!

Espiunca: novo esquema celebrativo

Tendo assumido a paroquialidade de seis paróquias (Albergaria da Serra, Cabreiros, Canelas, Espiunca, Janarde e Moldes), o Pe. Paulo teve a necessidade de alterar a frequência e os horários da celebração dos Sacramentos nos 18 centros de culto que fazem parte destas seis paróquias.

Dado que, dos 18 centros de culto, 6 são igrejas paroquiais, 7 são capelas com culto habitual e 5 são capelas com culto anual;
Dado que, a área total das seis paróquias é de 114,85 Km2;
Dado que, sendo humanamente impossível um padre conseguir presidir pessoalmente a todas as celebrações num único dia;
Dado que, os padres têm especiais responsabilidades na Igreja que todos formamos, mas os leigos também as têm;

O novo esquema dos encontros comunitários na paróquia de Espiunca, a entrar em vigor a partir do dia 1 de Outubro de 2008, próxima Quarta-feira, é o seguinte:

Eucaristia – Igreja Paroquial – Domingo: 11.15h / Sábado: 18h (V.) /17h (I.) – alternando entre o Sábado e Domingo (ao contrário de Canelas);

No próximo fim-de-semana, a Eucaristia será no Sábado, às 18h;

Eucaristia – Capela de Vila Viçosa - Sábado: 16.30h (Verão) / 15.30h (Inverno) – de três em três semanas / Quinta-feira: 18h (Verão) / 17h (Inverno) – semana anterior à Eucaristia de Sábado – Eucaristia na próxima Quinta-feira, às 18h

As festas paroquiais são as seguintes e realizam-se nos seguintes dias e horas:
· Festa ao São Martinho – 16 de Novembro – 11.15h: Eucaristia e Procissão
· Festa do Senhor dos Enfermos – 7 de Junho – 11.15h: Eucaristia – Serabigões
· Festa do Senhor dos Enfermos – 8 de Junho – 11h: Eucaristia / 18h: Procissão
· Festa ao São Pelágio – 26 de Junho – 10h: Procissão / 11h: Eucaristia
· Festa ao S. Pelágio – 12 de Julho – 10h: Proc. / 11.15h: Eucaristia / 19h: Proc.
· Festa do Senhor – 19 de Julho – 11.15h: Euc. / 17.30h: Vésp. / 18h: Procissão

As festas litúrgicas que se realizam fora das horas habituais são:
· Todos os Santos – 1 de Novembro – 15h: Eucaristia (Romagem) – Vila Viçosa
· Fiéis Defuntos – 2 de Novembro – 15h: Eucaristia (Romagem) – Igreja
· Santa Maria, Mãe de Deus – 31 de Dezembro – 21h: Eucaristia
· Sexta-feira Santa – 10 de Abril – 19.30h: Celebração da Paixão do Senhor
· Vigília Pascal – 11 de Abril – 20h: Eucaristia da Vigília Pascal
· Procissão de Velas – 30 de Maio – 21h

A tudo isto, deve acrescentar-se quanto segue:

· Todas as Eucaristias têm intenções pelos mortos (semana e Domingo), com a excepção dos seguintes dias: Todos os Santos, Fiéis Defuntos, Dia de Natal, Domingo de Ramos até ao Domingo de Páscoa, dias das festas dos santos;
· A Eucaristia de 7º dia de falecimento é em qualquer Eucaristia, mesmo que seja necessário incluí-la na Eucaristia da festa de algum santo;

Se ainda vos restar algum fôlego, deveis consultar o placar à porta da igreja, onde constam todas estas informações.


Pedimos ao nosso Bom Deus e nosso Pai que conceda ao vosso pároco a humildade de receber de bom grado tudo aquilo que não vos agradar; pedimos ainda que conceda a todos os paroquianos a paciência e a compreensão no fiel cumprimento destas normas, ajudando em tudo à vida da nossa grande comunidade de São Martinho de Espiunca! Bendigamos ao Senhor! Graças a Deus!

Canelas: novo esquema celebrativo

Eucaristia na Quinta-feira, às 19h.

Tendo assumido a paroquialidade de seis paróquias (Albergaria da Serra, Cabreiros, Canelas, Espiunca, Janarde e Moldes), o Pe. Paulo teve a necessidade de alterar a frequência e os horários da celebração dos Sacramentos nos 18 centros de culto que fazem parte destas seis paróquias.

Dado que, dos 18 centros de culto, 6 são igrejas paroquiais, 7 são capelas com culto habitual e 5 são capelas com culto anual;
Dado que, a área total das seis paróquias é de 114,85 Km2;
Dado que, sendo humanamente impossível um padre conseguir presidir pessoalmente a todas as celebrações num único dia;
Dado que, os padres têm especiais responsabilidades na Igreja que todos formamos, mas os leigos também as têm;

O novo esquema dos encontros comunitários na paróquia de Canelas, a entrar em vigor a partir do dia 1 de Outubro de 2008, próxima Quarta-feira, é o seguinte:

Eucaristia Dominical – Domingo: 11.15h / Sábado: 18h (V.) /17h (I.) – alternando entre o Sábado e Domingo (ao contrário de Espiunca);

No próximo Domingo, celebramos a Festa ao São Miguel, Padroeiro: Eucaristia às 11.15h e Procissão às 17h; No fim-de-semana a seguir, a Eucaristia será no Sábado, às 18h;

Eucaristia semanal – Quinta-feira: 19h (V.) /18h (I.) – próxima Quinta, às 19;

As festas paroquiais são as seguintes e realizam-se nos seguintes dias e horas:
· Festa ao São Miguel – 5 de Outubro – 11.15h: Eucaristia / Procissão: 17h
· Festa do Senhor – 14 de Junho – 11.15h: Euc / 17.30h: Vésp / 18h: Procissão
· Festa a Nossa Senhora dos Anjos – 2 de Agosto – 11.15h: Euc / 18h: Procissão

As festas litúrgicas que se realizam fora das horas habituais são:
· Fiéis Defuntos – 2 de Novembro – 13h: Eucaristia (Romagem ao cemitério)
· Imaculada Conceição – 8 de Dezembro – 13h: Eucaristia
· Natal do Senhor – 25 de Dezembro – 10h: Eucaristia
· Santa Maria, Mãe de Deus – 31 de Dezembro – 19.30h: Eucaristia
· Domingo de Ramos – 4 de Abril (Sábado) – 18h: Eucaristia
· Quinta-feira Santa – 9 de Abril – 19.30h: Missa da Ceia do Senhor
· Domingo de Páscoa – 12 de Abril – 18h: Eucaristia
· Procissão de Velas – 29 de Maio – 21h
· Corpo de Deus – 11 de Junho – 10h: Eucaristia

A tudo isto, deve acrescentar-se quanto segue:
· Todas as Eucaristias têm intenções pelos mortos (semana e Domingo), com a excepção dos seguintes dias: Todos os Santos, Fiéis Defuntos, Dia de Natal, Domingo de Ramos até ao Domingo de Páscoa, dias das festas dos santos;
· A Eucaristia de 7º dia de falecimento é em qualquer Eucaristia, mesmo que seja necessário incluí-la na Eucaristia da festa de algum santo;

Se ainda vos restar algum fôlego, deveis consultar o placar à porta da igreja, onde constam todas estas informações.


Pedimos ao nosso Bom Deus e nosso Pai que conceda ao vosso pároco a humildade de receber de bom grado tudo aquilo que não vos agradar; pedimos ainda que conceda a todos os paroquianos a paciência e a compreensão no fiel cumprimento destas normas, ajudando em tudo à vida da nossa grande comunidade de São Miguel de Canelas! Bendigamos ao Senhor! Graças a Deus!

Casamento, uma realidade indissolúvel?

O casamento já não é o que era. Se calhar nunca foi aquilo que no imaginário colectivo se foi idealizando: uma comunhão total de vida, ordenado por sua índole natural para o bem dos cônjuges? Uma instituição que fortalece e constitui a sociedade?

Fruto de uma ideologia narcisista e hedonista, a sociedade procura a persecução das satisfações individuais à custa do bem comum. Fruto deste pensar, vemos como, progressivamente, tudo o que implica a adesão livre e responsável do indivíduo vai ficando preterida para segundo ou terceiro plano na vida da pessoa.

Na vida comunitária, cada vez mais se vê o desinteresse pela participação responsável nos actos de soberania nacional (ver percentagens de abstenção em qualquer eleição); no respeito e atenção pelo vizinho, é cada um por si; no compromisso eclesial, falta empenho e participação activa (catequese, grupos de oração, vicentinas, grupo coral – dão muito trabalho). Por isso, não é de estranhar que o casamento também sofra influência deste modo de estar na vida.
Como se não bastasse esta filosofia de vida do “não me incomodes nem me aborreças”, o Estado, que deveria ser o primeiro a salvaguardar a instituição do matrimónio, célula base da nossa sociedade, inverte os valores.

É mais fácil divorciar-se em Portugal do que despedir a empregada doméstica, se esta tiver contrato de trabalho. Como podemos ler no jornal Público da semana passada. Não sendo necessário justa causa para o divórcio deixo aqui um alerta a todos os casados, não vá acontecer que um dia chegue o marido a casa e encontre o seu lugar ocupado por outro e os seus pertences à porta (ou vice-versa). É para estar atento e preocupado pois assim não se pode sair de casa tranquilo, não vá no regresso não ter onde passar a noite… Para ter segurança e facilidades o melhor mesmo é casar com a empregada doméstica (sempre é mais fácil adquirir o divórcio e mandá-la embora) e assinar um contrato de trabalho com a mulher (ao menos só se separam com justa causa). Mas se é a dona da casa que trata de todos os assuntos domésticos, não há problema porque no dia 10 de Outubro a Assembleia da Republica vai votar a questão dos casamentos entre pessoas do mesmo sexo. Tudo se resolve!
Casamento para toda a vida é história de conto de fadas, do tempo dos nossos avós. Segurança e estabilidade matrimonial, fidelidade e compromisso são atributos démodé, que ficam bem ao “Sr. Abade” e aos nossos avós. Na moda estão as relações “à experiência”, se der tudo bem, se não der não se perde nada, talvez só o nosso tempo.
O que é o casamento? Haverá alguém que ainda saiba a resposta?
Ridendo castigat mores.
Pe. João Pedro in Discurso Directo

Moldes: novo esquema celebrativo

Eucaristia: Terça-feira, 19h – Bustelo; Quarta-feira, 18h – Igreja Paroquial.

Reuniões: Plenário do Conselho Paroquial de Pastoral – Quarta-feira, 21h, Salão; Secretariado da Catequese – Sexta-feira, 21h, Residência; Animadores das ADEP (Assembleias Dominicais à Espera do Presbítero) – Sábado, 21.30h, Residência

Tendo assumido a paroquialidade de seis paróquias (Albergaria da Serra, Cabreiros, Canelas, Espiunca, Janarde e Moldes), o Pe. Paulo teve a necessidade de alterar a frequência e os horários da celebração dos Sacramentos nos 18 centros de culto que fazem parte destas seis paróquias.

Dado que, dos 18 centros de culto, 6 são igrejas paroquiais, 7 são capelas com culto habitual e 5 são capelas com culto anual;
Dado que, a área total das seis paróquias é de 114,85 Km2;
Dado que, sendo humanamente impossível um padre conseguir presidir pessoalmente a todas as celebrações num único dia;
Dado que, os padres têm especiais responsabilidades na Igreja que todos formamos, mas os leigos também as têm;

O novo esquema dos encontros comunitários na paróquia de Moldes, a entrar em vigor a partir do dia 1 de Outubro de 2008, próxima Quarta-feira, é o seguinte:

Eucaristia – Igreja Paroquial – Domingo: 10h / Quarta-feira: 18h (V.) /17h (I.)

Eucaristia e Celebr. Palavra – Capela de Ponte de Telhe – esquema funciona em três semanas: Sexta: 18h (Verão) /17h (Inverno) – após a Celebração da Palavra; Sábado: 20h (Verão) / 19h (Inverno) – semana após Eucaristia Sexta; Domingo: 10.15h – Celebração da Palavra – semana após Eucaristia Sábado; a primeira celebração é no próximo Domingo, às 10.15h.

Eucaristia – Capela de Bustelo – 1ª Terça-feira do mês: 18h (Ver.) /17h (Inv.)

Eucaristia – Capela de Fuste – 2ª Terça-feira do mês: 18h (Ver.) /17h (Inv.)

As festas paroquiais são as seguintes e realizam-se nos seguintes dias e horas:
Festa aos Mártires – 25 de Janeiro – 10h: Eucaristia e Procissão
Festa ao Santo António – 14 de Junho – 9.30h: Eucaristia / 19h: Procissão
Festa do Senhor – 21 de Junho – 10h: Proc. / 11.15h: Euc. / 17.30h: V / 18h: Pr
Festa Nª Senhora da Guia – 12 de Julho – 9.30h: Euc. / 16.30h: Terço / 17h: Pr
Festa a Nª Senhora de Fátima – 9 de Agosto – 11.15h: Eucaristia / 18h: Proc
Festa a Santa Catarina – 30 de Agosto – 11.15h: Eucaristia / 17h: Procissão

As festas litúrgicas que se realizam fora das horas habituais são:
Fiéis Defuntos – 2 de Novembro – 10h: Eucaristia (Romagem)
Natal do Senhor – 25 de Dezembro – 8.30h: Eucaristia
Santa Maria, Mãe de Deus – 31 de Dezembro – 18h: Eucaristia (Vespertina)
Corpo de Deus – 11 de Junho – 8.30h: Eucaristia

A tudo isto, deve acrescentar-se quanto segue:
Todas as Eucaristias têm intenções pelos mortos (semana e Domingo), com a excepção dos seguintes dias: Todos os Santos, Fiéis Defuntos, Dia de Natal, Domingo de Ramos até ao Domingo de Páscoa, dias das festas dos santos;
A Eucaristia de 7º dia de falecimento é em qualquer Eucaristia, mesmo que seja necessário incluí-la na Eucaristia da festa de algum santo;

Se ainda vos restar algum fôlego, deveis consultar o placar à porta da igreja, onde constam todas estas informações.

Pedimos ao nosso Bom Deus e nosso Pai que conceda ao vosso pároco a humildade de receber de bom grado tudo aquilo que não vos agradar; pedimos ainda que conceda a todos os paroquianos a paciência e a compreensão no fiel cumprimento destas normas, ajudando em tudo à vida da nossa grande comunidade de Santo Estêvão de Moldes! Bendigamos ao Senhor! Graças a Deus!

domingo, 21 de setembro de 2008

Doutrina Social da Igreja e a Política - uma visão eclesial

Desde 1891 com a publicação da Encíclica Rerum Novarum do Papa Leão XIII sobre a questão social até nossos dias, a Igreja Católica tem orientado seus fiéis a participar da construção de uma sociedade justa. Pão, fraternidade e fé são os fundamentos sólidos da existência humana, são o nosso rochedo sobre o qual peregrinamos de esperança em esperança até a Pátria definitiva, construindo a Pátria terrena: “Assim na terra como no céu”. O êxodo, os profetas, o reino anunciado por Jesus, são os grandes horizontes da relação entre fé e política como bem comum.

Neste catecismo social da Igreja encontramos as mais nobres inspirações para educar-nos sobre nossa participação sócio-política, ou seja, nossa educação para a prática da justiça, da consciência social, da relação entre fé e política. A participação na política faz parte da missão dos cristãos, diz o Papa. A Doutrina Social da Igreja fundamenta-se em 12 princípios básicos. Estes princípios foram reafirmados no Compêndio da Doutrina Social da Igreja, publicado em 2004 pela Santa Sé. Vamos pois refletir sobre os princípios éticos da fé e política.

1. A dignidade da pessoa humana: é em nome da pessoa humana como imagem e semelhança de Deus que a Igreja participa da ação social, pois escrevia Pio XI: “Da fábrica moderna a matéria sai enobrecida e os homens e mulheres, envelhecidos”. Ou ainda, a miséria humana é uma “miséria imerecida”. Defendamos o principio de dignidade da pessoa que tem prioridade em relação ao capital, ao lucro e ao trabalho.

2. A fraternidade universal: A Igreja, “perita em humanidade”, respeita as culturas, as diferenças, as iniciativas e religiões de todos os povos e nações, luta pela solidariedade universal, pela paz mundial. Todos somos irmãos e o mundo deverá tornar-se uma grande família. O mundo é uma casa comum. Somos membros de uma família chamada humanidade.

3. O Bem Comum: que é o conjunto das condições de vida de uma sociedade que favorecem o bem-estar e o desenvolvimento humano de todos. Toda a política é um trabalho para o bem de todos. Exorcizemos a miséria, a discriminação,a intolerância, a exclusão.

4. O Direito Natural: ou seja, o consenso comum proveniente da reta razão, do bom senso, da co-responsabilidade de todos, da consciência ética inscrita pelo Criador na própria natureza humana. O direito natural é a base do entendimento entre as culturas e dos direitos humanos.

5. O princípio de subsidiariedade: que consiste em dar espaço e liberdade para as instituições menores. Pelo princípio de subsidiariedade o grande não deve ignorar ou desrespeitar o pequeno. As minorias devem ter seu espaço.

6. A liberdade: um dos direitos mais sagrados da pessoa humana, sem a qual não há democracia cidadania, nem respeito pelas diferenças.

7. O princípio de socialização: é o que chamamos de partilha, de distribuição da renda, de co-gestão nas fábricas, de comunhão e participação dos cidadãos na vida pública. Socialização é o oposto do capitalismo e do egoísmo.

8. A primazia de pessoa em relação ao Estado: o centro da vida social é a pessoa humana e os que governam devem usar o poder para servir a pessoa. Portanto, o Estado (governo) deve estar a serviço da pessoa humana.

9. A primazia do trabalho sobre o Capital: isso é, o trabalhador não é um escravo nem mercadoria dos patrões. A fome do lucro (capital) não pode oprimir, explorar e manipular o trabalhador.

10. A relatividade do direito de propriedade privada: o direito à propriedade privada não é absoluto, mas relativo, pois a destinação dos bens é universal. Eis a função comum do direito de propriedade, o qual não é absoluto.

11. O Direito Internacional: que é o entendimento entre os povos, sua organização jurídica em favor da convivência fraterna entre todas as nações.

12. O princípio da justiça social: que regula os direitos e deveres dos cidadãos, zela pela vida e qualidade de vida, luta pela solidariedade e fraternidade sob a luz da verdade, da liberdade e do amor.

Dom Orlando Brandes
Arcebispo de Londrina

Fonte:www.cnbb.org.br

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Padre Paulo despede-se de Covêlo de Paivó

Depois de quase cinquenta anos, a Diocese do Porto deixa à Diocese de Viseu a paroquialidade da paróquia de Covêlo de Paivó. Este Domingo, pelas 11.15h, o Pe. Paulo celebrou a última Eucaristia como pároco desta paróquia do concelho de Arouca e pertencente à Diocese de Viseu. Participaram desta celebração os paroquianos de Covêlo de Paivó, os quatro "Animadores das Assembleias Dominicais à Espera do Presbítero" e o Sr. Pe. Peres, indubitavelmente ligado à história desta belíssima freguesia e paróquia de Arouca. Após a celebração da Eucaristia, o Pe. Paulo disse quanto segue:
1. A imagem de Nossa Senhora de Fátima foi restaurada e já se encontra novamente no lugar que lhe pertence. O seu restauro importou em 337,50€, já pago através de cheque pela Fábrica da Igreja. Este total foi saldado pelas sobras da festa a Nossa Senhora de Fátima (170,45€) e da Festa do Senhor (191,00€). Do saldo destas duas festas ainda remanesceu 23,95€.

2. Na próxima semana, vou encontrar-me com o vosso novo pároco, o Sr. Pe. Carlos. No dia do nosso encontro, vou entregar-lhe quanto segue:
a) Todas as chaves em minha posse (duas da Igreja Paroquial, uma da Capela de Regoufe, sete da Casa Paroquial e todas as cópias existentes que são do meu conhecimento; se houver outras cópias que eu desconheça, quem as tiver ficará conscientemente responsável por tudo o que acontecer aos edifícios a que pertençam essas chaves);
b) O carimbo oficial da paróquia de São Pedro de Covêlo de Paivó;
c) O livro de cheques com 5 cheques em branco;
d) O cartão de contribuinte da paróquia;
e) As cadernetas do Banco Crédito Agrícola de Arouca, antigas e actuais, da conta bancária da Fábrica da Igreja, com o saldo de 10.909,61€, e da conta da Comissão de Culto da Capela de Regoufe, com o saldo de 728,36€;
f) Todos os livros de Registos dos Sacramentos e livros de actas;
g) Quatro capas arquivadoras com todos os documentos da paróquia, a contabilidade inclusive;
h) Uma capa arquivadora com todos os documentos relativos à presença dos escuteiros no lugar de Drave;
i) A quantia em dinheiro da estadia na casa paroquial de um grupo de jovens que sairá apenas hoje (só hoje, terei acesso a esse dinheiro).

3. A partir de hoje, e até ao dia 4 de Outubro, não haverá qualquer outra celebração comunitária. O vosso novo pároco tomará posse da paróquia no dia 5 de Outubro, às 17h. Nesse dia, deveis organizar-vos para fazer o melhor acolhimento ao vosso pároco: o Sr. Pe. Carlos é já o vosso pastor! Acolhei-o no vosso coração como ao Nosso Senhor Jesus Cristo. Se me permitis a sugestão, devíeis organizar-vos no sentido do melhor acolhimento. Por exemplo: a realização de um tapete de flores, o ensaio de alguns cânticos, o treino das leituras, um ofertório solene e alguma flor que as crianças, adolescentes e jovens possam oferecer-lhe em acção de graças.

4. Devo agradecer-vos todos os cuidados que tivestes comigo enquanto fui o vosso pároco: a todos apresento a Deus nas minhas orações. Quero pedir-vos perdão, se fui motivo de escândalo e pecado para alguém. Não levo no coração qualquer mágoa ou tristeza que tenha tido origem nesta paróquia; apenas transporto desta belíssima terra a alegria, a disponibilidade e o acolhimento de todos! Deus vos recompense do bem que me fizestes!

5. Quero reconhecer muito o trabalho generoso, amável e intenso dos Animadores das Assembleias Dominicais à Espera do Presbítero, que hoje, dia 21 de Setembro, celebram 11 anos da sua instituição: a Dilma Quaresma Pereira, o João António de Sousa Silva, o José António Pereira Rodrigues e a Rosa Maria Santos Martins. Só vós, comunidade de São Pedro de Covêlo de Paivó, sabeis o bem que vos fizeram e a alegria de Deus que fizeram despontar no vosso coração! Eu, pároco de Moldes, agradeço, reconhecido, todo o empenho e verdade que sempre emprestaram a tão nobre ministério da Igreja. Quero felicitá-los pelo aniversário hoje celebrado e reafirmar-lhes o meu convite para que se mantenham fiéis a este compromisso de Nosso Senhor. Deus vos abençoe!

6. Por último, o Sr. Pe. Peres! Eu não sei o que dizer dele; ou melhor, até sei, mas vós sabeis muito mais e melhor do que eu! Por isso, gostaria que fosse o vosso coração a dizer do que sabeis deste homem de Deus, deste fiel ministro da Igreja de Jesus, deste infatigável trabalhador da comunidade dos cristãos aqui presente em Covêlo de Paivó. A palavra ao Sr. Pe. Peres!

7. O senhor Bispo do Porto, D. Manuel Clemente, manda agradecer a todos os paroquianos de Covêlo de Paivó a oportunidade que os padres da Diocese do Porto tiveram ao ser-lhes permitido a paroquialidade da vossa terra. Foi uma ocasião propícia para se entregarem mais a Deus, a Nosso Senhor Jesus Cristo e à Igreja que juraram servir com a dádiva da própria vida. Até sempre! Até que nos encontremos em Deus!

Avisos 55 (21 de Setembro de 2008)

AVISOS COMUNS A TODAS AS PARÓQUIAS

No próximo fim-de-semana, dias 27 e 28 de Setembro, tornaremos públicas as alterações ao horário e à frequência da celebração dos sacramentos nas seis comunidades que o senhor Bispo confiou ao Pe. Paulo: Albergaria da Serra, Cabreiros, Canelas, Espiunca, Janarde e Moldes.

Por causa destas alterações, a Catequese de Adultos só começará em Novembro.


Rio de Frades (lugar de Cabreiros)

Novo esquema dos encontros comunitários no lugar de Rio de Frades, da paróquia de Cabreiros: Eucaristia na quarta Terça-feira de cada mês; às 18h (horário de verão) e às 17h (horário de inverno). Exemplo: 28 de Outubro (já pela hora de inverno) / 25 de Novembro / 23 de Dezembro / Excepção: 1 de Novembro (Todos os Santos), Sábado, às 12h, e romagem ao cemitério. Festa a Santa Bárbara no dia 16 de Agosto: Eucaristia e procissão às 15h.


MOLDES

Eucaristia: Terça-feira, 19h – Fuste; Sexta-feira, 18h – Igreja Paroquial.

A imagem de Nossa Senhora de Fátima da Capela de Ponte de Telhe foi restaurada e já se encontra novamente no lugar que lhe pertence. O seu restauro importou em 237,50€, já pago pela Comissão de Culto.

O início da catequese na nossa comunidade será na Eucaristia do dia 12 de Outubro. Nesse dia, todos os catequizandos e catequistas devem apresentar-se na Igreja paroquial a fim de celebrarem a Festa do Acolhimento com as crianças do 1º ano e o Envio dos catequistas.

Celebrámos hoje o 11º aniversário da Instituição dos Animadores das Assembleias Dominicais à Espera do Presbítero. Queremos felicitar os senhores Animadores por mais este aniversário no seu serviço à comunidade!


JANARDE

Novo esquema dos encontros comunitários na paróquia de Janarde, a entrar em vigor a partir do dia 1 de Outubro de 2008 (o novo esquema funciona de três em três semanas) 1ª semana: Domingo, 9h – Celebração da Palavra em Silveiras; 2ª semana: Sexta-feira, 17h – Eucaristia em Silveiras (Inverno: 16h); 3ª semana: Domingo, 8.30h – Eucaristia na Igreja Paroquial; Exemplo: 5/10, Domingo: CP às 9h em Silveiras – 10/10, Sexta: Eucaristia às 17h em Silveiras – 19/10, Domingo: Eucaristia às 8.30h na Igreja Paroquial.


FESTAS (procissão a seguir à Eucaristia): Santa Bárbara em Silveiras – 4 Dezembro, às 11h; Santa Bárbara em Silveiras – 31 de Maio, às 15h; Festa do Senhor – 7 de Junho, às 15h; São Barnabé – 14 de Junho, às 16h; Nossa Senhora de Fátima – 5 de Julho, às 15h.


CANELAS

Eucaristia na Quarta-feira, às 18h.
O primeiro encontro geral de Catequistas será na próxima Terça-feira, às 21h, na Casa Paroquial. Contamos com a presença de todos!


ESPIUNCA

O primeiro encontro geral de Catequistas será na próxima Quarta-feira, às 21h, na Centro Paroquial. Contamos com a presença de todos!

domingo, 14 de setembro de 2008

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Avisos 54 (14 de Setembro de 2008)

AVISO COMUM A TODAS AS PARÓQUIAS

Como já foi anunciado no Domingo, o Padre José Paulo de Sousa Teixeira passa a ser pároco de seis paróquias: Albergaria da Serra, Cabreiros, Canelas, Espiunca, Janarde e Moldes; e ainda Vigário da Vara de Arouca – Vale de Cambra. A tomada de posse da paróquia de Albergaria da Serra será no dia 28 de Setembro, às 14.30h; a tomada de posse de Cabreiros será no dia 5 de Outubro, às 14.30h. Desde já, os paroquianos destas seis paróquias devem contar com muitas e profundas mudanças no horário e frequência dos sacramentos. Pedimos a todos a melhor compreensão para a mudança que se vai operar a partir do dia 1 de Outubro. No fim-de-semana de 27 e 28 de Setembro, tornaremos públicas as devidas alterações.


MOLDES

Eucaristia: Terça-feira, 19h – Bustelo; Sexta-feira, 18h – Igreja Paroquial.

Reunião Geral de Catequistas – Terça-feira, 21h, Salão Paroquial.

Reunião da Comissão Permanente do Conselho Paroquial de Pastoral – Sexta-feira, 21h, Residência Paroquial.

No próximo Domingo, dia 21 de Setembro, celebramos o 10º aniversário da Instituição dos Animadores das Assembleias Dominicais à Espera do Presbítero. Há 10 anos atrás foram apresentados ao senhor Bispo, e instituídos neste ministério, quatro paroquianos de Moldes: Dilma Quaresma Pereira, João António de Sousa Silva, José António Pereira Rodrigues e Rosa Maria Santos Martins. Pedimos a todos os paroquianos que reconheçam a validade, urgência e boa continuação deste ministério tão necessário à vida das nossas comunidades. Pedimos também que rezem por eles para que continuem fiéis ao serviço que consagram às comunidades em nome de Nosso Senhor Jesus Cristo, do senhor Bispo e do pároco de Moldes. Até este mês de Setembro, estes animadores representaram o pároco de Moldes nas celebrações dominicais nas paróquias de Janarde e Covêlo de Paivó. A partir de Outubro passarão a representar o mesmo pároco nas celebrações dominicais nas paróquias de Albergaria da Serra, Cabreiros, Canelas, Espiunca, Janarde e Moldes. Deus Nosso Senhor os abençoe a todos e guie os seus passos na direcção do Amor!


CANELAS

Eucaristia na Quarta-feira, às 18h.

O primeiro encontro geral de Catequistas deste novo ano pastoral será no dia 23 de Setembro, às 21h (portanto, de Terça-feira a uma semana). Contamos com a presença de todos os catequistas.


ESPIUNCA

O primeiro encontro geral de Catequistas deste novo ano pastoral será no dia 24 de Setembro, às 21h (portanto, de Quarta-feira a uma semana). Contamos com a presença de todos os catequistas.

"teremos menos padres e menos celebrações eucarísticas, em menos locais"

O nosso Bispo D. Manuel Clemente dirigiu-se à Diocese no dia 9 de Setembro no início do ano pastoral 2008-2009, aquando da celebração da Dedicação da Igreja Catedral.

Referiu que
«o presente ano pastoral pretende o crescimento de todos e de cada um na corresponsabilidade para a missão, preparando com São Paulo a missão diocesana de 2010.»

Fazendo uma leitura da actual realidade religiosa em Portugal, afirmou que «não andaria longe disso o que Cristo encontrou em Jerusalém, como ouvimos: religiosidade intensa, decerto, mas muito por purificar, no culto verdadeiro que Ele mesmo representava. Mas nisto mesmo encontramos a grande urgência pastoral de redefinir e reconfigurar a vida comunitária, dada a nova sociologia geral em que tem de assentar.»

Para o futuro da nossa Diocese do Porto e da Igreja portuguesa, o senhor Bispo afirmou ainda que «os números são o que são e, a curto prazo, teremos menos padres e menos celebrações eucarísticas, em menos locais. Ninguém se iluda, alheie ou adie, quanto a esta certíssima realidade. Aliás, há sinais de esperança, quer no aumento de pré-seminaristas e seminaristas, quer na colaboração generosa dos religiosos na vida diocesana, quer nos muitos e promissores candidatos ao diaconado permanente. Mas só se concretizarão a médio prazo e temos de crescer muito na oração e no interesse pelas vocações, não só no respectivo serviço diocesano mas, antes de mais, nas famílias e nas comunidades cristãs.»

Na certeza de que a sua voz de pastor seria escutada em todos os cantos da Diocese do Porto, D. Manuel Clemente pediu «para se avançar na partilha pastoral e na acção conjunta de padres seculares e religiosos, diáconos, consagrados e leigos. Conto muito convosco, caríssimos vigários e adjuntos, para motivardes os vossos colegas sacerdotes e o Povo de Deus em geral das vossas áreas, para uma vida eclesial mais autêntica, como “corpo de Cristo”, diversificado e complementar nos seus membros, mas presente e actuante num mundo que já não consente compartimentos estanques, nem social nem culturalmente falando. TUDO QUANTO PODERDES FAZER E FOMENTAR INTER-COMUNITARIAMENTE RESPONDERÁ MELHOR À ACTUALIDADE E ANTECIPARÁ UM FUTURO TÃO INEVITÁVEL COMO PROMISSOR.»

Igreja portuguesa… “bastante sossegada”


A Igreja portuguesa aparece «bastante sossegada», diz D. António Couto em entrevista à revista “Além-Mar”, que aqui deixamos numa pequena parte do seu todo. É urgente «defi­nir estratégias missionárias para levar o Evangelho às pessoas».

… como está a Igreja na sua actividade evangelizadora e missionária, e a nível externo, como se envolve na missão «ad gentes»?

A nível interno e no que à actividade missionária diz respeito, a Igreja por­tuguesa tem estado e permanece bas­tante sossegada, no mau sentido, limi­tando os seus esforços a uma pastoral de manutenção, alimentando apenas, e cada vez com maiores dificuldades, os ministérios tradicionais. Ora, outras Igrejas do continente europeu têm ad­vertido … que «uma pastoral que vise apenas a manutenção da fé e o cuidado pastoral da comunidade cris­tã não é suficiente», acrescentando logo que «é necessária uma pastoral missionária que anuncie novamente o Evangelho». Entenda-se bem que anunciar novamente o Evangelho não passa por servir um Evangelho requentado, mas de um verdadeiro primeiro anúncio (o anúncio verdadeiro é sempre primeiro!), com o coração a arder e os lábios a ferver.

D. António Couto, Bispo Auxiliar de Braga e Presidente da Comissão Episcopal das Missões in Revista “além-mar”, nº 573, anoLII, pg.16

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Bispo do Porto fala aos professores…

… no início do ano lectivo.

No passado dia 9 de Setembro, na celebração da Dedicação da Igreja Catedral, o Bispo do Porto, D. Manuel Clemente, dirigiu-se aos professores, particularmente aos de Educação Moral e Religiosa Católica, com estas palavras:

“A alusão cultural orienta-me… para vós, estimados professores…

Na cultura actual… o vosso contributo reside precisamente… na transmissão de Cristo como pessoa viva, onde as existências podem encontrar a força e a solidez certíssimas da companhia que não falha e da luz que não se apaga.
Nas vossas aulas e outras actividades proporcionareis a todos o que vos foi e é proporcionado a vós mesmos, neste corpo eclesial de Cristo em que vos integrais: a sua presença ressuscitada, o sentido pascal da vida, só acrescentada e renovada na medida em que se entrega, na adoração divina, que liberta o coração, e no serviço do próximo, que nos realiza como pessoas.

Não há assunto nem tema, das ciências às humanidades e às artes, que não possais aprofundar com os vossos alunos, à luz da pessoa, das palavras e dos gestos de Jesus de Nazaré, o nosso Cristo. Com isso não fareis nenhuma intromissão abusiva na laicidade da escola pública, ou em detrimento da tolerância e do pluralismo. Muito pelo contrário, proporcionareis aos vossos alunos o conhecimento existencial e teórico da realidade mais fundamental e fecunda da nossa tradição cultural, cuja ausência truncaria ilegitimamente a sua caminhada pessoal, em liberdade instruída e solidária. A liberdade e o pluralismo não se restringem, antes enriquecem, postos diante de Alguém tão excepcional como Cristo, em si mesmo e na sua larga e reconhecida consequência cultural e civilizacional.”

Estudamos para não sermos indiferentes


ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDANTES DE ENSINO SUPERIOR
19 e 20 de Setembro de 2008
Casa dos Missionários do Verbo Divino
(Fátima)


Programa
Sexta – 19 de Setembro
18h30 – Chegada e Acolhimento
20h00 – Jantar
21h00 – Visionamento do filme "O Fiel Jardineiro" seguido de tertúlia
Oração

Sábado – 20 de Setembro
9h30 – Conferência e debate: "Estudamos para não sermos indiferentes"
– Intervalo
11h00 – Painéis "Não queremos ser indiferentes a…"
- injustiça e desigualdades sociais: erradicar a pobreza é possível.
- desafios da ciência e da técnica: somos mais felizes tecnologicamente?
- notícias, actualidade e mundo mediático: ler os jornais e o ler os sinais dos tempos
- saúde e qualidade de vida: ética do cuidado ou negócio?
13h00 – Almoço
14h30 – Mesa redonda: "Pensar a fé a partir do estudo: práticas, vivências e questionamentos"
16h00 – Eucaristia final

Objectivos
:: Espaço de encontro dos estudantes envolvidos nos serviços diocesanos e movimentos da Pastoral do Ensino Superior;
:: Preparação/divulgação do Encontro Europeu de Estudantes Universitários (Itália, Agosto 2009);
:: Lançar pistas para o desenvolvimento do trabalho Pastoral a nível local/diocesano;
:: Reflectir sobre o sentido do estudo enquanto via de compromisso cristão e suas implicações;
:: Pensar a prática e proposta da fé a partir da condição de estudante;


domingo, 7 de setembro de 2008

quinta-feira, 4 de setembro de 2008


O girassol...

Como o girassol, faminto de sol, quero os olhos meus fixados em Deus.
Nas voltas que dá em cada manhã anda o girassol em busca do sol.
Quando a noite cai e a luz se vai, fica o girassol à espera do sol.
E na solidão da escuridão guarda o girassol o calor do sol.

Cada madrugada no céu acordada vê o girassol voltado p’ró sol.
Pelo meio dia, festa da alegria, é no girassol que mais brilha o sol.
Pelo campo além sobre a terra mãe cada girassol é pequeno sol.
Raiz escondida e corola erguida cada girassol só pensa no sol.

Sobre o campo verde muita luz se perde m
as o girassol v
ive preso ao sol.
Quero ser assim bem dentro de mim alma-girassol do Eterno Sol.

Avisos 53 (7 de Setembro de 2008)

AVISOS COMUNS A TODAS AS PARÓQUIAS

O Conselho Executivo da Escola Secundária de Arouca pede para avisar que a abertura do ano lectivo 2008/2009 será entre os dias 9 e 15 de Setembro.

Como já foi anunciado, na próxima Terça-feira, dia 9 de Setembro, às 19h, o Padre José Paulo de Sousa Teixeira toma posse como Vigário da Vara da recém-criada Vigararia de Arouca – Vale de Cambra.

Na passada Terça-feira, dia 2 de Setembro, o senhor Bispo do Porto, D. Manuel Clemente, nomeou pároco de Albergaria da Serra e Cabreiros o Padre José Paulo de Sousa Teixeira, que agora passa a ser pároco de seis paróquias: Albergaria da Serra, Cabreiros, Canelas, Espiunca, Janarde e Moldes; e ainda Vigário da Vara de Arouca – Vale de Cambra. A paróquia de Covêlo de Paivó, até agora paroquiada pelo Pe. Paulo, passa a ser curada pela Diocese de Viseu, à qual pertence por direito próprio. Desde já, os paroquianos destas seis paróquias devem contar com muitas e profundas mudanças no horário e frequência dos sacramentos. Pedimos a todos a melhor compreensão e paciência para a mudança que se vai operar até ao final deste mês de Setembro. Bendigamos ao Senhor! Graças a Deus!


MOLDES

Eucaristia: Sexta-feira, 18h – Igreja Paroquial.

O Centro Novas Oportunidades da ADRIMAG quer proporcionar aos adultos da nossa Freguesia de Moldes a certificação escolar do nível básico ou secundário. Para tal, na próxima Segunda-feira, dia 8, às 19:30h, o Centro Novas Oportunidades da Adrimag estará nas Instalações da Junta de Freguesia de Moldes para efectuar uma sessão de esclarecimento, caso os fregueses estejam interessados em aumentar as qualificações e certificar as competências com equivalência ao 6°, 9° e 12° anos. Haverá também inscrições disponíveis na Junta de Freguesia de Moldes.


JANARDE


COVÊLO DE PAIVÓ

A catequese de adultos, agendada para as 13.30h do próximo Domingo, dia 14 de Setembro, fica sem efeito.

Na passada Terça-feira, dia 2 de Setembro, o senhor Bispo do Porto, D. Manuel Clemente, nomeou pároco de Albergaria da Serra e Cabreiros o Padre José Paulo de Sousa Teixeira. A paróquia de Covêlo de Paivó, até agora paroquiada pelo Pe. Paulo, passa a ser curada pela Diocese de Viseu, à qual pertence por direito próprio. O vosso novo pároco chama-se Carlos Alberto Ramos de Sousa. Nasceu em 25 de Dezembro de 1967 e ordenou-se padre em 27 de Julho de 1996: tem 40 anos e é padre há 11 anos.

Como já foi avisado, a imagem de Nossa Senhora de Fátima está a ser restaurada no Porto, na oficina do restaurador José Manuel Rocha. A imagem estará pronta na semana de 23 a 26 de Setembro. Portanto, no Domingo, dia 28 de Setembro, a imagem de Nossa Senhora de Fátima já estará no lugar de que lhe pertence e devidamente restaurada.


CANELAS

Eucaristia na Quarta-feira, às 18h.

A Junta de Freguesia de Canelas promove durante esta semana, de 7 a 14 de Setembro, a “Semana Cultural 2008”. O programa é o seguinte: Domingo, 20.30h – abertura da semana cultural com hastear de bandeiras; 21h – Baile na sede da Junta; Terça-feira, 21h – Noite de cinema ao ar livre na sede do Rancho; Quarta-feira, 21h – Noite da Criança no Polidesportivo; Quinta-feira, 21h – Noite de Jogos Tradicionais no Polidesportivo; Sexta-feira, 21h – Noite de Crepes com um Grupo de Cavaquinhos e Concertinas na sede do Rancho; Sábado, 21h – Desfolhada e Arraial com o Rancho Folclórico “As Lavradeiras de Canelas” na sede do Rancho; 21.30h – jogo de futebol entre casados e solteiros no Polidesportivo; Domingo, 9h – Torneio de Malha no campo de futebol; 12h – almoço-convívio para os idosos na sede do Rancho; 21h – encerramento da Semana Cultural.

ESPIUNCA

Descobrimos há pouco mais de um mês que a Capela de Vila Viçosa não estava inscrita nas finanças. Queremos comunicar-vos que já tratámos desse assunto e a Capela de Vila Viçosa tem já o número de artigo provisório P.461, atribuído pelas Finanças de Arouca. Para a conclusão deste assunto foi necessário contratar um topógrafo e um Engenheiro. A Comissão de Culto gastou 300,80€, já pago.

Matrículas na catequese

Realizam-se por esta altura as matrículas no primeiro ano de catequese.

Os pais das crianças em idade para a primeira matrícula na catequese devem dirigir-se às suas paróquias e fazer-se acompanhar do seguinte: Cédula da criança, 1 fotografia tipo passe e um comprovativo da data do Baptismo.

Em algumas paróquias, no acto da matrícula, os pais devem oferecer 10 euros para aquisição do catecismo e outras despesas.

Deve ser um dos pais a fazer a respectiva matrícula do seu filho(a).


CATEQUESE
Um ambiente para crescer


Uma flor (um filho) supõe um certo ambiente para desabrochar e se desenvolver!

“Disse o mestre:
- Alguém viu uma borboleta lutar para sair do seu casulo. O nascimento era penoso e lento para quem o via. O homem começou, então, a soprar sobre o bichinho o seu hálito amigo e quente para ajudá-lo a nascer. De facto, apressou o processo e a borboleta nasceu, mas as suas pequenas asas ficaram atrofiadas.

E o mestre concluiu:
- No crescimento, amigos, não se pode apressar o processo; isso é fatal. Crescimento apressado vira aborto!”



Recorda o maravilhoso dia em que casaste:

- Estais dispostos a aceitar os filhos como dom de Deus e a educá-los segundo a Lei de Cristo e da Sua Igreja?
- Sim, estamos!


Recorda ainda o Baptismo do teu filho que nasceu:

- Pedistes o Baptismo para o vosso filho. Deveis educá-lo na fé… Estais conscientes do compromisso que assumis?
- Sim, estamos!

"Novas Oportunidades" em Moldes

O Centro Novas Oportunidades da Adrimag é a "Porta de Entrada" para a promoção da formação ao longo da vida, com a possibilidade de inserção em percursos formativos adequados à experiência de vida. A Adrimag tem como principal objectivo, neste momento, proporcionar aos adultos da Freguesia de Moldes a certificação do nível básico ou secundário. Pretende, logo que tenha o número mínimo de inscrições, iniciar o Processo de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências nessa freguesia. Para tal, contam com a colaboração da paróquia de Moldes nesta divulgação.

Dia 8 de Setembro, pelas 19:30h, o Centro Novas Oportunidades da Adrimag estará nas Instalações da Junta de Freguesia de Moldes para efectuar uma SESSÃO DE ESCLARECIMENTO, caso esteja interessado em aumentar as suas qualificações e certificar as suas competências com equivalência ao 6°, 9° e 12° anos. Haverá também inscrições disponíveis na Junta de Freguesia de Moldes.

Semana Cultural 2008 em Canelas

A Junta de Freguesia de Canelas promove de 7 a 14 de Setembro a “Semana Cultural 2008”. O programa é o seguinte:
Domingo, dia 7, 20.30h – abertura da semana cultural com hastear de bandeiras; 21h – Baile na sede da Junta;
Terça-feira, 21h – Noite de cinema ao ar livre na sede do Rancho;
Quarta-feira, 21h – Noite da Criança no Polidesportivo;
Quinta-feira, 21h – Noite de Jogos Tradicionais no Polidesportivo;
Sexta-feira, 21h – Noite de Crepes com um Grupo de Cavaquinhos e Concertinas na sede do Rancho;
Sábado, 21h – Desfolhada e Arraial com o Rancho Folclórico “As Lavradeiras de Canelas” na sede do Rancho; 21.30h – jogo de futebol entre casados e solteiros no Polidesportivo;
Domingo, dia 14, 9h – Torneio de Malha no campo de futebol; 12h – almoço-convívio para os idosos na sede do Rancho; 21h – encerramento da Semana Cultural na sede da Junta.

Novo pároco em Albergaria da Serra e Cabreiros

Na passada Terça-feira, dia 2 de Setembro, o senhor Bispo do Porto, D. Manuel Clemente, nomeou pároco de Albergaria da Serra e Cabreiros o Padre José Paulo de Sousa Teixeira, que agora passa a ser pároco de seis paróquias: Albergaria da Serra, Cabreiros, Canelas, Espiunca, Janarde e Moldes; e ainda Vigário da Vara de Arouca – Vale de Cambra.

A paróquia de Covêlo de Paivó, até agora paroquiada pelo Pe. Paulo, passa a ser curada pela Diocese de Viseu, à qual pertence por direito próprio. Termina assim um acordo de 40 anos entre as Dioceses do Porto e Viseu. As paróquias de Albergaria da Serra e Cabreiros regressam definitivamente à Diocese do Porto e a paróquia de Covêlo de Paivó regressa também à sua Diocese de origem.

O novo pároco de Covêlo de Paivó chama-se Carlos Alberto Ramos de Sousa. Nasceu em 25 de Dezembro de 1967 e ordenou-se padre em 27 de Julho de 1996. O nosso blog deseja ao Sr. Pe Carlos os melhores êxitos pastorais na sua nova função de pároco e pastor.

Desde já os paroquianos das seis paróquias, agora entregues à cura do Pe. Paulo, devem contar com muitas e profundas mudanças no horário e frequência dos sacramentos. Pedimos a todos a melhor compreensão e paciência para a mudança que se vai operar até ao final deste mês de Setembro.

Bendigamos ao Senhor! Graças a Deus!