quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Estamos em cima do Natal.

Estamos em cima do Natal. E tudo parece feito para que tudo funcione segundo a tradição. Os preparativos em ordem, que o resto da história até já a sabemos de cor e da banda-desenhada.

Mas se não parámos silenciosos e maravilhados perante o Deus oculto, faltar-nos-á a preparação interior, para olhar o presépio com o espanto de quem nunca viu e a surpresa de quem nunca se cansa de ver.
...

É isto contemplar. Ficar calado diante do Mistério que nos envolve, abraçar o Mistério do Impossível. Porque...

Não têm Natal,


os acostumados perante a maravilha,


os cansados de não viver,


os que olham sem ver,


os que nunca ouviram


o silêncio de uma Estrela,


que para eles inutilmente brilha
...

Sem comentários: